Notícias influenciam comportamento dos investidores

Mudanças no tom das matérias jornalísticas impactam preços dos ativos financeiros, diz FMI.

Como os investidores reagem às notícias? É o que tenta responder pesquisa do Fundo Monetário Internacional (FMI), que avaliou a influência das notícias nos preços internacionais de ativos usando mais de 4 milhões de artigos econômicos, financeiras, corporativos e políticos publicados pela Reuters em todo o mundo entre 1991 e 2015.

Para Damien Puy, economista da Divisão Norte-Americana do Departamento do Hemisfério Ocidental do FMI, a resposta é: sim. “Descobrimos que mudanças bruscas no sentimento das notícias tiveram um impacto significativo nos preços dos ativos em todo o mundo, confirmando que o tom da mídia, em geral, é uma ótima referência para o próprio sentimento do investidor.”

A pesquisa mostrou maior influência das notícias estrangeiras do que das locais. (Por notícias estrangeiras, entenda-se aquelas envolvendo vários países e suas inter-relações, em oposição a notícias locais envolvendo um único país.)

Ainda estamos no processo de entender por que o sentimento de notícias é tão importante e por que parece captar muito mais informações sobre o humor dos investidores do que outros indicadores baseados no mercado que são amplamente utilizados. Mas o projeto já mostra que monitorar o tom das notícias em tempo real é uma maneira muito eficaz de capturar mudanças repentinas no sentimento do investidor que não seriam capturadas de outra forma; que é fundamental para a vigilância financeira”, prega Puy.

Há algumas lacunas importantes no estudo. Primeiro, ao se limitar a uma única fonte. Segundo, deixa no ar se há um certo efeito Tostines: as notícias otimistas favorecem o otimismo do mercado, ou é o mercado otimista que influencia as notícias positivas?

 

Boas ações e bons lucros

Uma pesquisa que observou o cenário de 165 empresas de manufatura de alto desempenho de 18 países, incluindo Estados Unidos, Brasil, Japão, China, Alemanha, Finlândia, Reino Unido e Coreia do Sul, com ao menos 100 funcionários mostrou que as práticas adotadas pelas empresas que mais tiveram impacto em seu desempenho foram as práticas de saúde e segurança, ética e treinamento e desenvolvimento dos empregados.

Há uma relação positiva entre o desempenho financeiro e práticas de sustentabilidade. O levantamento confirma uma influência de 27% das práticas socioambientais nos indicadores de desempenho das empresas. Por outro lado, o estudo indica que não há relação entre as práticas de gestão ambiental e aumento de custos, refutando a noção de que adotar práticas sustentáveis traria custos maiores para as empresas.

As relações entre práticas ambientais e sociais e o desempenho podem ser tanto positivas quanto negativas em um primeiro momento. Em médio e longo prazo, entretanto, a adoção de práticas oferece benefícios financeiros para a empresa e pode consolidar sua posição no mercado”, afirma Érica Tessaro de Jesus, que desenvolveu a pesquisa “Relações entre práticas ambientais e sociais e o desempenho de empresas de manufatura” no mestrado do Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção e Sistemas da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR).

O desempenho ambiental é uma tendência à qual as empresas precisam se adaptar para permanecer competitivas”, destaca Érica. Ela aponta que a sustentabilidade tem potencial para ser mais que um custo, mas também um investimento rentável. O estudo completo está em bit.ly/2MHxvXB

 

Boi bravo

A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, afirmou semana passada que o preço da carne bovina já estava recuando no campo. A queda, por enquanto, entra para o campo das fake news. Os números do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada da USP), que balizam os preços agrícolas em São Paulo, mostram que a carne sofreu novo aumento, de 1,94%, nesta segunda-feira.

 

Rápidas

A Megamatte fechou parceria com a Korin para ter mais opções saudáveis no cardápio: quibe de carne orgânica e folhado integral com frango sustentável se somam ao mate e ao açaí, que já são orgânicos *** Sábado será a última edição do ano da campanha de adoção e vacinação de animais Busucão, no Caxias Shopping, das 10h às 16h *** O VisitNow, plataforma de reservas de hotéis de última hora, acaba de firmar uma parceria com a Movida, empresa de aluguel de carros.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Bolsonaro invade TV Brasil

Programação foi interrompida 208 vezes em 1 ano para transmissão ao vivo com o presidente.

FMI: 4 fatores ameaçam inflação

Fundo acredita que preços deem uma trégua no primeiro semestre de 2022, mas...

Pandora Papers: novos atores nos mesmos papéis

Investigação mostra que pouco – ou nada – mudou desde 2016.

Últimas Notícias

Receita: brasileiros movimentaram R$ 127 bi em criptomoedas em 2020

O subsecretário de Fiscalização da Receita Federal, Jonathan de Oliveira, disse, nesta quarta-feira em audiência na Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara...

Elevar Selic para 7,75% será eficaz no combate à inflação?

Analistas prevêem taxa de 11% em maio de 2022.

Carteira da massa falida do Banco Cruzeiro do Sul

Por Antonio Pietrobelli.

Vencimento de título corrigido pela Selic puxa queda da Dívida Pública

O vencimento de mais de R$ 200 bilhões em títulos públicos vinculados à taxa Selic (juros básicos da economia) fez a Dívida Pública Federal...

Quase 80% pretendem fazer compras no período da Black Friday

Varejo eletrônico gasta mais com publicidade para a data do que para o Natal.