A China lidera pesquisa global de energia limpa

Um relatório da Elsevier, uma empresa global de análise de informações de negócios, relatou que as pesquisas relacionadas à energia limpa se tornaram um foco global e a China possui a posição de liderança em termos de número de teses publicadas e patentes autorizadas nos anos recentes, informou Science and Technology Daily.

A construção da estação espacial, um supercomputador mais forte, novos medicamentos e tecnologia de baixo carbono vão definir o setor de ciência e tecnologia da China em 2022. (Xinhua/He Meng)

Xinhua - Silk Road
Xinhua – Silk Road

Beijing, 7 jan (Xinhua) — Um relatório da Elsevier, uma empresa global de análise de informações de negócios, relatou que as pesquisas relacionadas à energia limpa se tornaram um foco global e a China possui a posição de liderança em termos de número de teses publicadas e patentes autorizadas nos anos recentes, informou Science and Technology Daily.

A empresa holandesa de pesquisa, publicação e análise de informações divulgou um relatório sobre o status da pesquisa global de energia limpa nesta quarta-feira.

O relatório diz que a China já publicou cerca de 400.000 teses de pesquisa sobre a energia limpa desde 2001, o maior do mundo. O país focou em pesquisas relacionadas à bateria de lítio ou bateria secundária durante a última década.

Em termos de número de patentes, a China superou os Estados Unidos em 2012 e o Japão em 2014, tornando-se o país com o maior número de patentes de energia limpa. Até o final de 2020, quase metade das patentes globais neste campo eram da China. Fim

Xinhua Silk Road
Agência de notícias oficial do governo da República Popular da China.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Fundo da Rota da Seda assina acordo de investimento com a Indonésia

O Fundo da Rota da Seda da China assinou um acordo quadro de investimento com a Autoridade de Investimento da Indonésia, visando buscar oportunidades de cooperação de investimento na Indonésia.

CFETS e BCCL lançam serviço de subscrição de títulos para estrangeiros

O Sistema do Comércio de Divisas da China (CFETS) e a Bond Connect Co., Ltd. (BCCL) iniciaram em 4 de julho o serviço de subscrição de títulos interbancários para os investidores estrangeiros, de acordo com uma divulgação do CFETS em 1º de julho.

China acompanha sua economia digital ultrapassar 45 trilhões de yuans

A China acompanhou a escala de sua economia digital subir de 11 trilhões para mais de 45 trilhões de yuans em 2021 na última década, informou o Shanghai Securities News nesta quarta-feira.

Últimas Notícias

Cruzeiros marítimos estão em busca do tempo perdido

O setor quer recuperar o tempo que a pandemia atrapalhou

Fundos de investimento: R$ 8 bi de captação líquida

Renda fixa foi o destaque do primeiro semestre

Petrobras faz oferta de recompra de títulos globais

Interessados têm prazo até 12 de julho

Inscrições para Prêmio de Inovação em Seguros da CNseg

Premiação acontecerá em dezembro para três categorias

Abavt apresenta propostas para Dpvat

Ministério da Economia cria grupo de trabalho para discutir solução