A jabuticaba de Paulo ‘Hood Robin’ Guedes

‘O Brasil precisa de líderes justos e corajosos’.

A verdade está aí para todo mundo ver: metade da população economicamente ativa desempregada ou na informalidade, recessão econômica, dólar a R$ 5. E a culpa não é do coronavírus.” O chute, na canela do ministro Paulo Guedes, foi desferido pelo Sindicato Nacional dos Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil (Sindireceita). Em nota, a entidade protesta contra a pretensão do governo em reduzir os salários dos servidores públicos.

Enquanto o mundo todo defende e pratica políticas de garantia de renda e incentivo estatal às pessoas e empresas como mitigação dos efeitos econômicos da pandemia, o Brasil continua a produzir suas jabuticabas. Paulo Guedes e equipe pretendem fazer uma distribuição de renda inédita no mundo: tirar do trabalhador para dar ao miserável”, acusa o Sindireceita.

As propostas da equipe econômica de Bolsonaro – verdadeira ameaça à saúde e à economia brasileiras – vão na contramão do que ocorre no mundo e já são questionadas por empresários, menos preocupados com os trabalhadores, mas receosos de não terem consumidores, durante ou após a crise sanitária.

O Sindireceita sugere tributar a distribuição de lucros e taxar as grandes fortunas. “Esse é o país em que o pobre paga IPVA do Fusca e o rico não paga do iate e do avião particular. Um país onde quem tem um imóvel alugado paga 27,5% de Imposto de Renda e quem tem um fundo com milhares de imóveis é isento de pagamento. É o país onde o errado é o certo, e o certo é o errado. Basta de injustiça, basta de covardia! O Brasil precisa de líderes justos e corajosos”, conclui a entidade.

 

Emprego doméstico na crise

Com o objetivo de orientar os empregadores e empregados domésticos sobre as medidas a serem adotadas no período de quarentena, o especialista Mario Avelino, presidente do Instituto e do Portal Doméstica Legal, lançou o ebook Como evitar e combater o coronavírus no emprego doméstico, que pode ser baixado gratuitamente no site.

Além de orientações, o empregador encontrará modelos de documentos para antecipação de férias; licenças/afastamentos compensados ou com remuneração; compensação de vale-transporte; e redução de jornada de trabalho e descanso, entre outras medidas.

 

Leão caduco

A Receita Federal revogou 126 instruções normativas (INs), publicadas entre 1969 e 2016, que já não produziam mais efeitos legais. A medida faz parte do Projeto Consolidação, que busca adequar o estoque regulatório do órgão por meio da redução, revisão e consolidação de normas. A lista consta na Instrução Normativa RFB 1.928, publicada nesta quinta-feira no Diário Oficial da União.

A meta da Receita Federal é encerrar a consolidação de suas normas até junho de 2021, simplificando a legislação tributária. Mas a grande ajuda à simplificação tributária seria reduzir a edição das normas, que muitas vezes – a maioria, talvez – avançam sobre o que determina a legislação que criou o imposto.

 

Desespero

Um amigo da coluna ligou para uma empresa para colocar tela de proteção na janela do apartamento novo. Aprovou o orçamento e perguntou quando podiam instalar. Em 45 minutos os instaladores já estavam fazendo o serviço.

 

Farinha pouca

Bancos elevam juros e apertam concessão de crédito, mesmo após receber um pacotaço de R$ 1,2 tri; ruralistas aumentam preços dos alimentos. Mineiro é solidário no câncer, mas certos empresários brasileiros não são solidários nem no coronavírus.

 

Rápidas

O CCBB cancelou todas as atividades até julho de 2020. Assim o Festival de Harpas, que seria realizado lá, foi adiado, em princípio, para agosto. A série Música no Museu está interrompida até que haja novidades *** A diretora de Mulheres da OABRJ, Marisa Gaudio, e a presidente da OAB Mulher RJ, Rebeca Servaes, participarão de um vídeo ao vivo sobre “Violência contra a mulher durante a quarentena”, nesta sexta-feira, às 15h, no perfil @diretoriamulheresoabrj no Instagram *** O Ibajud (Instituto Brasileiro da Insolvência) criou um comitê extraordinário para apresentar propostas para a crise das empresas devido à pandemia. Detalhes no site da entidade *** A Clinica Neurovida, unidade Recreio, devido ao aumento da procura pelo atendimento na área de infectologia, abrirá consultas as quartas e sextas-feiras no período da manhã. Agendamento somente por Whatsap (21) 97513-2413.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

‘EUA do Mar’ seria considerado crime de lesa-pátria

Na terra de Biden, entregar navegação a estrangeiros é impensável.

Governo Bolsonaro não dá a mínima para a indústria

País perde empregos de qualidade e prejudica desenvolvimento.

Taxa sobre exportação de petróleo renderia R$ 38 bi

Imposto aumentaria participação do Estado nos resultados do pré-sal.

Últimas Notícias

Fundos de investimento poderão atuar como formadores de mercado na B3

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) autorizou os fundos de investimento a atuarem como formadores de mercado na B3, a bolsa do Brasil. A...

ABBC: Selic deve subir 1,50 ponto percentual

O Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) se reúne na próxima terça-feira (7) para decidir sobre a nova Selic, a taxa básica...

Ibovespa fecha a semana em alta

(alta de 0,013%). O volume representou uma extensão do movimento positivo registrado na quinta-feira (2), quando o índice fechou com forte alta de 3,66%,...

China: Incentivos fiscais para investidores estrangeiros

A China anunciou que estendeu suas políticas fiscais preferenciais para investidores estrangeiros que investem no mercado de títulos da parte continental do país. A...

Brasileiro teria renda 6 vezes maior com indústria forte

Entre 1950–70, PIB do País foi multiplicado por 10.