A união de duas multinacionais

Cummins anuncia a compra da Meritor.

A fabricante de motores e geradores Cummins anunciou a compra da Meritor, especializada em componentes para veículos comerciais. A negociação tem valor próximo de US$ 3,7 bilhões. No Brasil, a Cummins tem fábrica de motores a diesel e componentes em Guarulhos (SP), e a Meritor produz eixos em Osasco (SP).

A aquisição será estratégica para que a Cummins acelere, junto com a Meritor, no mercado de eixos e freios. E poderá oferecer soluções integradas de powertrain. A sinergia pode ainda render US$ 130 milhões com otimização da cadeia de fornecedores e otimizações.

“A Meritor é uma das grandes líderes da indústria, e o acordo nos ajudará a resolver um dos desafios mais críticos da nossa era: o desenvolvimento de soluções de carbono zero que sejam viáveis comercialmente e que possam ser aplicadas industrialmente”, informou Tom Linebarger, CEO da Cummins.

 

Líder em monitoramento planeja ações para 2022

Ao divulgar os resultados de 2021 e suas perspectivas para este ano, a Ituran, empresa de monitoramento veicular, quer avançar com mais tecnologia, ampliar portfólio de produtos e melhorar o relacionamento com os clientes. A empresa fechou 2021 com crescimento de 22% e estima alta de 10% em 2022.

Uma das frentes é investir em seguro automotivo, em que o cliente monta seu pacote conforme a cobertura desejada, além de ofertar a proteção para motocicletas e para carros com até 25 anos. A Ituran ainda planeja avançar em uma nova área de negócios, a IturanMob, joint-venture com a startup Moblab, no segmento de mobilidade urbana com carsharing e carpooling e foco no B2B.

Fabio Souza (foto divulgação Scania)
Fabio Souza (foto divulgação Scania)

Scania cresce, mas vê 2022 como ano desafiador

A Scania cresceu 80% em 2021 sobre 2020 com 15.700 caminhões vendidos, com destaque aos modelos pesados de aplicações no agronegócio e voltados ao setor de mineração, canavieiro e madeireiro, atingindo participação de mercado de 23,6%.

Outra força da montadora é a dos serviços conectados: 54 mil veículos Scania estavam ligados às redes dos frotistas em 2021. Com esses serviços, a economia nos custos de manutenção pode chegar a 25%, segundo a empresa.

O segmento de gás também é estratégico para a Scania. Após negociar 600 unidades movidas a GNV em 2021, a montadora fez as primeiras entregas de 5 modelos GNL (gás liquefeito) para a Morada Logística, empresa de Araraquara (SP).

Os desafios de 2022 são diversos. Fabio Souza, vice-presidente comercial, cita que enquanto a agricultura prospera, e isso é uma oportunidade para a Scania, é preciso enfrentar as eleições, pandemia, inflação e cadeia de suprimentos.

Agência modelo da Localiza BH (foto divulgação Localiza)
Agência modelo da Localiza BH (foto divulgação Localiza)

Localiza registra lucro de R$ 2 bi

A Localiza anunciou resultados recordes em 2021: com lucro líquido de R$ 2 bilhões, 95% maior que em 2020; a companhia viu a receita da divisão de aluguel de carros crescer 40% em relação ao ano anterior.

Um dos destaques foi sua expansão de 19,2% da área de gestão de frotas, impulsionada principalmente pelo Localiza Meoo, solução de carro por assinatura da empresa. Esta divisão apresentou crescimento de 13% em sua receita líquida e aumento de 7,2% no número de diárias, em relação ao ano anterior.

“Em 2021, ampliamos o investimento em tecnologia e alocamos com eficiência nosso capital para capturarmos as oportunidades do mercado de mobilidade, com geração de valor”, comentou Bruno Lasansky, CEO da Localiza.

Em dezembro, o Cade autorizou a fusão da Localiza com a Unidas, e as negociações sobre a obrigação de vender 50 mil carros e outros ativos da Unidas estão aceleradas.

A Localiza também pretende retomar a venda de carros seminovos no próximo semestre. A falta de veículos novos reteve a frota e freou esse segmento, que retraiu 51% no quarto trimestre sobre o ano anterior.

Na agenda ESG, a companhia inaugurou em 2021 o Instituto Localiza para facilitar o acesso de jovens ao ensino e fomentar o empreendedorismo em comunidades e beneficiando 24 organizações de todo Brasil.

Lucia Camargo Nunes
Economista e jornalista especializada no setor automotivo. [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Interlagos vai sediar feira de motos e carros

Eventos priorizam testes para clientes e potenciais compradores.

Setor automotivo em ritmo de recuperação

Resultados seriam ainda melhores se não houvesse restrição de semicondutores.

Companhia investe R$ 100 milhões em veículos ‘limpos’

Primeira leva tem caminhões elétricos e GNV.

Últimas Notícias

Clorin ganha destaque nos lares e empresas brasileiras

A empresa amplia distribuição da marca Milton no Brasil.

Tokenização: conceitos e casos de uso dessa tecnologia

BC e CVM acompanharão ao longo deste ano as operações dos projetos aprovados nos respectivos sandboxes regulatórios

Sim Pro Samba homenageia Lula Gigante

O Sim Pro Samba começa às 18h30, na Praça dos Professores. Gratuito!

Solução para o investidor no cálculo e declaração do IR

Usufruir de serviços automatizados para o cálculo e o pagamento de DARFs,

CVM divulga estudo sobre ESG e o mercado de capitais

Relação entre o mercado de capitais e o tema sustentabilidade,