A volta dos que nunca deveriam ter vindo

Weintraub não tem estofo para ser pivô de crise política.

Fatos e Comentários / 20:09 - 16 de jun de 2020

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

Se Abraham Weintraub deixasse o Ministério da Educação hoje, ninguém da área sentiria falta. Ele comandou o que talvez tenha sido o mais desastrado Enem, com erros na correção das provas e – robustas – suspeitas de quebra de sigilo; a CGU condenou licitação do FNDE (autarquia subordinada ao MEC) para compra bilionária de computadores para escolas – uma escola em Minas com 255 alunos receberia 30 mil notebooks; o Ministério não conseguiu dar andamento a qualquer projeto; nem mesmo as pautas fundamentalistas andaram; na pandemia, foi obrigado a recuar na manutenção da data do Enem e não sabe o que fazer com o Sisu.

Como já dito nesta coluna, Weintraub não está no Ministério para emplacar pautas, mas sim para espalhar confusão. Como a assistente de palco que distrai o público enquanto o mágico – no caso, a equipe econômica – faz o truque.

Não deixaria de ser curioso que tal personagem fosse o pivô de uma crise institucional. É preciso firmeza, mas temperada com habilidade, para que a sociedade dê a Weintraub o destino que merece na história. Com H minúsculo.

 

Personalidades nordestinas

Virgulino Ferreira da Silva, o Lampião, será tema do primeiro programa sobre “Grandes Personalidades do Nordeste”, da Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj). Em um espaço de discussão digital, a programação conta com sete edições, que irão ao ar toda quinta-feira, a partir desta (18), às 17h, pelo perfil do Instagram @FundajOficial.

 

Burros em pouco tempo

Utensílios domésticos inteligentes e conectados podem ser um problema para o consumidor se os fabricantes não garantirem atualização dos programas. O risco é tanto de pagar mais por um produto que ficará logo obsoleto quanto de segurança, por ataques hackers.

A organização britânica Which? Perguntou a alguns fabricantes qual a garantia de atualização. Apenas a Miele deu uma resposta concreta: 10 anos. Outros foram vagos: a Samsung falou em um mínimo de 2 anos; a Beko disse um máximo de 10; BSH (que fabrica as marcas Bosch, Neff and Siemens) falou em “tempo de vida útil do produto” (eu tenho uma geladeira que já passou de 30 anos).

 

Obstáculos

Pesquisa realizada pela agência de marketing jurídico Tá Ligado revelou que 71,7% dos escritórios de advocacia do país não têm planos de marketing, nem de curto prazo. Seis em cada dez (62,5%) representantes de 80 escritórios de todo o país, a maioria de grande e médio portes, apontaram a captação de clientes como o maior desafio do trabalho em home office.

 

Antecipar

Deixar para recrutar apenas quando já é necessário contratar é a realidade das empresas brasileiras. Afinal, não há sentido em abrir processos seletivos se não há oportunidades disponíveis, correto? Tiago Yonamine, especialista em recrutamento e CEO do trampos.co, discorda do senso comum.

Para minimizar os problemas gerados por seleções feitas às pressas, o conceito de recrutamento contínuo vem ganhando força. “Os empreendedores nunca sabem quando um colaborador vai pedir desligamento, quando entrará um projeto provisório e até mesmo quando precisarão implementar novas áreas na empresa. Por isso, conhecer novos profissionais pode encurtar caminhos e evitar prejuízos até financeiros a longo prazo, além de manter-se atualizado de como estão os profissionais disponíveis no mercado”, explica Tiago.

 

Vidas adiadas

A UFRJ, paralisada desde 13 de março, avisou que só retomará aulas presenciais quando houver vacina ou remédio para Covid e que vai discutir possibilidade de retorno remoto. A Aids foi detectada em 1981 e após 39 anos não foi descoberta vacina. A UFRJ adiará as aulas eternamente?

 

Rápidas

No último dia 9, a Rede D’Or a emergência do Glória D’Or, hospital construído nas históricas instalações da Beneficência Portuguesa do Rio de Janeiro. Com capacidade para 20 mil atendimentos mensais, é a maior do grupo no estado. O investimento total é de R$ 300 milhões *** A PwC Brasil promove o webcast “Riscos e transformação digital dos controles internos, o mundo pós-pandemia”, nesta quarta-feira, às 17h *** Até o dia 20, o influenciador e RP Alan Victor apresenta a live “Semana das Mulheres” com jornalistas, atrizes, cantoras e formadoras de opinião, no Instagram @riofaciloficial, a partir de 18h.

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor