Agência Xinhua e jornal A Tarde assinam acordo de cooperação

(Xinhua/Lúcio Távora)

Xinhua - Silk Road

 

Salvador, Brasil, 24 nov (Xinhua) — A filial brasileira da Agência de Notícias Xinhua e o jornal brasileiro A Tarde realizaram nesta quarta-feira (24), na cidade de Salvador, a cerimônia de assinatura de um acordo de cooperação entre os dois veículos.

O evento contou com a participação da cônsul-geral da China no Rio de Janeiro, Tian Min, do presidente do Grupo A TARDE, João de Mello Leitão, e do diretor da Agência Xinhua – sede dos serviços em português no Rio de Janeiro, Chen Weihua.

Em seu discurso, Tian Min parabenizou a Agência de Notícias Xinhua e o jornal A Tarde por este importante passo em direção à cooperação e intercâmbio entre as mídias da China e do Brasil.

A Agência Xinhua completou recentemente o 90º aniversário de sua fundação, registrando mais de 200 sucursais na China e no exterior, além de fornecer notícias em 15 idiomas, explicou a cônsul. Sua sucursal no Brasil é há décadas uma ponte para o fortalecimento do conhecimento e amizade entre chineses e brasileiros, afirmou Tian.

(Xinhua/Lúcio Távora)

“Já o jornal A Tarde”, prosseguiu ela, “é um dos principais veículos de imprensa do Brasil, trazendo a um grande público notícias atuais sobre política, economia, sociedade, cultura, ciência e tecnologia”. Tian Min também elogiou o potencial de desenvolvimento do A Tarde, lembrando que o jornal registrou o maior crescimento em número de leitores no ano passado.

Por fim, a cônsul-geral compartilhou sugestões para o fortalecimento da cooperação entre veículos de comunicação: inovar e aprimorar as formas de cooperação, expandindo a cobertura e promovendo a integração de seus negócios; aumentar a eficácia da comunicação com auxílio da internet e da digitalização; e focar na cooperação pragmática, registrando os intercâmbios amigáveis entre os dois países.

O presidente do grupo A TARDE, João de Mello Leitão, dividiu com os presentes um pouco da história centenária do veículo na comunicação brasileira, afirmando que o grupo há cem anos produz reportagens de qualidade sobre a Bahia e o Brasil.

Leitão também comentou sobre a relevante comunidade chinesa na Bahia, que vem contribuindo para o desenvolvimento econômico e social.

(Xinhua/Lúcio Távora)

Nos últimos anos, empresas chinesas fizeram importantes investimentos no estado. O povo baiano tem prestado atenção à China. A cooperação com a Agência Xinhua fortalecerá ainda mais a cobertura da China e espera-se que a Xinhua possa apresentar o estado da Bahia aos muitos cidadãos chineses, segundo Leitão.

O diretor da Agência de Notícias Xinhua no Brasil, Chen Weihua, apontou que a agência chinesa possui uma ampla cooperação com meios de comunicação de todo o mundo, mantendo mais de 5.500 acordos firmados em diferentes áreas de comunicações.

“O Brasil é um importante parceiro estratégico para a China. Pretendemos sempre fazer uma cobertura cada vez melhor a respeito do que acontece no território brasileiro a fim de deixar nossos leitores bem informados sobre este país, apresentando inclusive o incremento das relações sino-brasileiras”, afirmou Chen. Fim

Xinhua Silk Road
Agência de notícias oficial do governo da República Popular da China.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

China toma medida para lidar com a inadimplência da Evergrande

Um passo crucial foi dado para abordar a recente inadimplência da incorporadora imobiliária China Evergrande Group, depois que o governo provincial de Guangdong realizou uma conversa regulatória com seu presidente e concordou em enviar um grupo de trabalho à empresa.

Indústria florestal floresce em Baise de Guangxi excedendo 15 bi yuans

A cidade de Baise, localizada na Região Autônoma Zhuang de Guangxi no sul da China, testemunhou a prosperidade da indústria florestal da cidade desde quando foi aprovada pelo Conselho do Estado para estabelecer uma zona piloto de desenvolvimento crítico e abertura em 2020, resultando em uma produção anual de mais de 15 bilhões de yuans no setor.

Cooperação China-Cingapura cria palcos para talentosos na China

Graças ao aprofundamento da cooperação entre China e Cingapura ao longo dos anos, a metrópole de Chongqing no sudoeste da China atraiu cada vez mais talentosos interdisciplinares a trabalharem juntos por um futuro melhor para os dois países.

Últimas Notícias

Lendas das small caps – market timing, recuperação e liquidez

O Monitor Mercantil publica a segunda parte do trabalho, iniciado no dia 18 de novembro, feito pela Trígono Capital sobre as sete lendas das...

Pesquisa mostra saúde financeira dos brasileiros

O brasileiro está “mais apertado” por conta da pandemia de Covid-19, com 6 em cada 10 pessoas reduzindo gastos neste período. E mais: 66%...

Recorde de retiradas líquidas da poupança: R$ 12,37 bi

O Banco Central (BC) informou, nesta segunda-feira, que as retiradas da caderneta de poupança superaram os depósitos em R$ 12,377 bilhões, em novembro. Essa...

Petrobras poderá se tornar uma empresa suja

A Petrobras anunciou no último dia 24 de novembro seu plano estratégico 2022-2026, com investimentos previstos de US$ 68 bilhões nos próximos 5 anos....

Empresas abertas na pandemia são 452% mais vulneráveis a fraudes

Com a chegada da pandemia e o aumento do desemprego, muitos brasileiros viram no empreendedorismo a oportunidade de conseguir uma renda mensal. A criação...