Alcova x asilo

Os insurgentes acantonados nas redações tupiniquins que esbravejam contra a concessão de asilo ao presidente de Honduras, Manoel Zelaya, na Embaixada do Brasil naquele país não mostraram indignação semelhante quando, durante o interminável Governo FH, a representação brasileira em Londres foi transformada em alcova da então princesa Diana. Por conta dessa utilização atípica, apresentada pela mídia tupiniquim como um privilégio fruto da relação de amizade entre Diana e a embaixatriz brasileira, nossa embaixada teve telefones grampeados pelo serviço secreto britânico, situação que configura grave afronta à soberania de qualquer país. Apesar disso, à omissão bovina do governo tucano, somou-se o silêncio, quando não a cumplicidade, da imprensa hoje indignada com o asilo a Zelaya.

Lá e cá
A Executiva do PMDB-PR decidiu, nesta quarta-feira, “estudar em profundidade” a proposta do deputado Nereu Moura de apoio à candidatura do deputado federal Ciro Gomes (PSB-CE) à Presidência da República: “A possibilidade de apoio à candidatura presidencial do PSB é resultado da insatisfação cada vez mais manifestada por membros do PMDB, em relação aos debates sobre as eleições ao Governo do Estado e da candidatura própria do partido”, afirma a executiva do PMDB-PR.
Em outras palavras, se o PT local continuar a insistir em lançar candidato próprio em vez de apoiar o escolhido pelo partido para a sucessão do governador Roberto Requião, a seção paranaense não garante que vá marchar com a ministra Dilma Roussef.

Energia
Com a participação da ministra da Economia e Energia do Estado de Nordrhein-Westfalen, Christa Thoben, a Câmara Brasil-Alemanha (AHK) realiza nesta quinta-feira, na Firjan, uma rodada de negócios com empresas dos dois países. Segundo o presidente da AHK, Guilherme Stussi Neves, o objetivo do encontro é identificar no mercado do Rio de Janeiro potenciais parceiros comerciais para empresas alemãs, especialmente na área de energia. À tarde a ministra tem encontro marcado com o governador Sergio Cabral.

Vista para o mar
Praias, Pão de Açúcar, Maracanã e Corcovado são os desejos de consumo – óbvios – de paulistas que nunca visitaram o Rio de Janeiro. A pesquisa, do site Consultoria em Turismo, do professor Bayard Boiteux, foi feita com 300 habitantes da capital e 100 do interior de São Paulo. Os paulistas representam 45% de todos os turistas nacionais que visitam a Cidade Maravilhosa.

Saber público
Incluindo quase uma tonelada de livros que estavam na casa do casal em Paris e foram trazidos pela viúva do economista, Rosa Freire D”Aguiar, a Biblioteca Celso Furtado será inaugurada, nesta sexta-feira, às 16h30, no Centro Internacional Celso Furtado para Políticas para o Desenvolvimento, no subsolo do BNDES. No total, são cerca de 7,5 mil títulos, adquiridos por Furtado desde a década de 40 até 2004. Quem não mora no Rio também poderá consultar os livros pelo site www.bibliotecacelsofurtado.org.br, que entra no ar dia 25.

Urbanismo
Os “Desafios da Urbanização no Rio de Janeiro” é o tema de debate nesta quinta no Crea-RJ, das  9 às 18h. Participam o ministro das Cidades, Marcio Fortes, o secretário municipal de Habitação, Jorge Bittar, entre outros.

Mini
A multinacional francesa Essilor lança a lente multifocal Varilux Physio Short 360°, que foi desenvolvida especificamente para óculos com armações pequenas. Também na XX Ajorsul Fair Mercoóptica 2009, esta semana, em Gramado, a empresa apresenta uma nova tecnologia anti-reflexo, que deixa a lente duas vezes mais resistente a arranhões.

Jornalismo Odorico
A tentativa de comparar a luta do presidente de Honduras, Manoel Zelaya, para retomar o poder do qual foi apeado pelos golpistas a uma nova versão de Sucupira é revelador do forte déficit democrático de impérios de comunicação anabolizados na estufa da ditadura. A tentativa de desqualificação da luta política, no entanto, é apenas a face mais debochada do espírito de Pinochet que vai na alma da elite tupiniquim, como costumava lembrar o jornalista Márcio Moreira Alves.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorApagão no campo
Próximo artigoPotencial

Artigos Relacionados

Não, a Petrobras não quebrou

Na época em que os preços dos combustíveis não eram descontrolados, caixa da estatal era superior ao atual.

Hood Robin e o ICMS nos combustíveis

Reduzir impostos tira da sociedade para dar a poderosos.

Governo sabota emprego doméstico

Desconto no Imposto de Renda, que acabou, incentivava a assinatura da carteira.

Últimas Notícias

O cenário da construção civil para 2022

Por Victor Gomes.

Sai edital da primeira desestatização de portos no país

Em Vitória a capacidade de movimentação portuária é de 7 milhões de toneladas

‘Olhos de Água’, romance delicado e apaixonante

Por Paulo Alonso.

CoronaVac é incluída no plano de vacinação para crianças

Governo vai pedir informações a estados para saber quantas doses vão precisar

Receita abre segunda-feira consulta a lote residual do IR

Total das restituições atinge R$ 281,9 milhões