Alerj aprova participação do RJ em consórcios intermunicipais de saúde

Por Sérgio Braga e Sidney Domingues.

A Alerj aprovou projeto de lei que autoriza o Estado a participar de consórcios intermunicipais de saúde e o desenvolvimento em regime de gestão associada na execução de políticas públicas do setor. A proposta, de autoria dos deputados Jair Bittencourt (PP) e André Ceciliano (PT), prevê que o Estado poderá repassar recursos financeiros do Fundo Estadual de Saúde, ou do Fundo Nacional de Saúde, aos consórcios intermunicipais, após a deliberação prévia da Comissão Intergestores Bipartite (CIB-RJ).

Obras para o Noroeste do Estado

Luiz Martins (Foto Alerj)

Luiz Martins (PDT) está causando ciúmes na bancada do governo na Alerj por conta da sua aproximação com o governador Cláudio Castro. Martins acompanhou a visita do governador aos municípios de Itaperuna, Natividade e Varre e Sai, no Noroeste do Estado. A dupla conversou com prefeitos da região e apresentou um pacote de obras, fruto de indicações legislativas do deputado. As melhorias serão implementadas com verbas da venda da Cedae.

Alerj doa R$ 18 milhões para pesquisa sobre Covid

A Alerj vai doar R$ 18 milhões para custear pesquisas da UFF contra a Covid. O dinheiro vai sair do seu Fundo Especial Orçamentário. A doação foi proposta pelo presidente da Casa, deputado André Ceciliano (PT), e pelo do deputado Waldeck Carneiro (PT) e foi sancionada pelo governador Cláudio Castro.

Deputado Noel de Carvalho participa de frente de defesa do Aeroporto do Galeão

Noel de Carvalho (foto Alerj)
Noel de Carvalho (foto Alerj)

O deputado estadual Noel de Carvalho (PSDB) defende uma reavaliação do modelo de privatização proposto pelo Governo Federal para o Aeroporto Santos Dumont. Ele concorda com o prefeito do Rio, Eduardo Paes, de que a alteração pode ter como consequência o esvaziamento ainda maior do Aeroporto Internacional do Galeão, causando prejuízos para a economia do Rio. O Santos Dumont será leiloado em 2022 junto com outros 15 aeroportos.

Bares terão alertas sobre crime de importunação sexual

O deputado Marcus Vinícius (PTB) é o autor do projeto de lei que obriga bares, boates, restaurantes e casas de show a afixarem placas e cartazes de forma legível e aparentes ao público lembrando que importunação sexual é crime.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Proteção Tabajara nos aeroportos contra a Covid

Ex-secretário cobra adoção de exigências eficazes.

Me inclua fora dessa!

Ministro do TST acabou com a farra do trabalhador.

Falta de servidores traz prejuízo, inclusive financeiro

Fila de segurados no INSS vai engrossar precatórios em R$ 11 bilhões.

Últimas Notícias

Cresce mercado de investimento em ações da China

O investimento em ações na China apresentou crescimento este ano, uma vez que o volume de fundos levantados e o investimento registraram um crescimento...

CVM alerta: Atuação irregular de Business Bank BNI Investiments S.A

A Comissão de Valores Mobiliários está alertando ao mercado de capitais e ao público em geral sobre a atuação irregular de Business Bank BNI...

Usina TermoCamaçari ficará com a Unigel até 2030

A Petrobras, em continuidade ao comunicado divulgado em 11/05/2021, informa que, após a retomada das negociações com a Proquigel Química S.A., subsidiária da Unigel...

STF é questionado sobre inconstitucionalidade de privatizações

O coordenador-geral da Federação Única dos Petroleiros (FUP), Deyvid Bacelar, defendeu nesta segunda-feira, em audiência pública na Câmara dos Deputados, que o Supremo Tribunal...

Mais um Fiagro na listagem da B3

Ocorreu nesta segunda-feira o toque de campainha que marcou o início de negociação do terceiro Fiagro na B3, o JGP Crédito FI Agro Imobiliário. As...