Alerj protesta contra fim de voos para Norte Fluminense

Ceciliano lamenta decisão da Azul e cobra atuação da Agência de Aviação.

O presidente da Assembleia legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), deputado André Ceciliano (PT), classifica como absurda a extinção dos voos do Aeroporto Santos Dumont para região do Norte Fluminense, especialmente para os municípios de Macaé e Campos.

Em carta dirigida a Juliano Alcântara Noman, presidente da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), Ceciliano afirma ter tomado conhecimento, pela imprensa, que a companhia aérea Azul planeja transferir, nos próximos dias, os voos para Viracopos, em São Paulo. O objetivo seria utilizar os slots (vagas para pousos e decolagens) no Santos Dumont para voos interestaduais.

Esse é mais um dos efeitos colaterais negativos da falta de coordenação, por parte da Anac, no equilíbrio de voos entre o Santos Dumont e o Aeroporto do Galeão, “causando prejuízos à economia fluminense”, alerta o presidente da Alerj.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Vale testa caminhões de 72 toneladas 100% elétricos

Veículos serão usados nas operações da mineradora em Minas Gerais e da Indonésia

Rio pode ter fomento de áreas produtoras de petróleo

Norma estabelece que o governo do estado desenvolva políticas de apoio e parceria.

Lucro da Caixa cai 70,7% no semestre

Banco destaca o papel das loterias que levantaram R$ 5,4 bi

Últimas Notícias

Vale testa caminhões de 72 toneladas 100% elétricos

Veículos serão usados nas operações da mineradora em Minas Gerais e da Indonésia

Xangai quer estimular mais o consumo

Será a primeira emissão de cupons eletrônicos para estimular o consumo

Pequenos incidentes cibernéticos podem iniciar grandes problemas

Alerta é do coordenador do Grupo Consultivo de Cibersegurança da Anbima

Rio Grande do Sul publica edital de concessão do Cais Mauá

Prevê revitalizar um dos principais patrimônios da cidade por meio de uma Parceria Público-Privada (PPP)

Rio pode ter fomento de áreas produtoras de petróleo

Norma estabelece que o governo do estado desenvolva políticas de apoio e parceria.