Alimentação fora de casa cresce em setembro

90
Alimentação fora de casa (Foto: IBGE)
Alimentação fora de casa (Foto: IBGE)

De acordo com os dados do Índice de Desempenho Foodservice (IDF), pesquisa realizada mensalmente pelo IFB (Instituto Foodservice Brasil), as 16 empresas associadas que abrangem a alimentação fora do lar fecharam setembro com crescimento nominal de 9,7% nas vendas e real (descontado a inflação) de 4,3%, em relação ao mesmo período do ano passado.

Na comparação com mesmas lojas, o aumento foi de 6,5%; já no acumulado nominal do ano (de janeiro a setembro de 2023), o crescimento foi de 11,4%.

O estudo também mostra que a participação do canal delivery permanece estável para os estabelecimentos, representando 21,7% do total das vendas. 

As lojas localizadas nos centros comerciais, como shoppings, supermercados, aeroportos e strip malls, registraram variação de faturamento de 8,6% na comparação com setembro do ano anterior, enquanto as lojas de rua tiveram variação de 13,6%. 

Espaço Publicitáriocnseg

Em relação ao número de transações, o aumento foi de 5,6% quando comparado ao mesmo mês do ano passado. Já no acumulado do ano, o crescimento é de 4,2%.

Ticket médio de R$ 39,20

Agora, quando se fala em ticket médio das redes, a evolução foi de 4,81% no período de um ano, chegando a R$ 39,20 em setembro de 2023, contra R$ 37,40 em setembro de 2022, o que reflete um ritmo de crescimento comedido e abaixo da inflação.

Quanto ao número de lojas na comparação anual, o aumento foi de 1,5%, atingindo 6.947 unidades.

Em setembro/23, foram abertos 30 estabelecimentos (15 em centros comerciais e 15 em lojas de rua). Por outro lado, 16 foram fechados (8 em centros comerciais e 8 em lojas de rua).

Os quiosques, que representam locais comerciais compactos, com um ponto de atendimento e menu reduzido da marca,apresentaram aumento de 1,2%, conforme o mesmo período do ano anterior, chegando a 3.046 unidades contra 3.010 em setembro de 2022.

“O foodservice é um dos setores mais expressivos na economia brasileira. Os dados de setembro trazem expectativas de progresso contínuo, evidenciando perspectivas mais estáveis. Porém, vale destacar que os empreendedores devem sempre se atentar às tendências do segmento e às pesquisas de mercado para seguirem com estratégias assertivas”, informa Ingrid Devisate, vice-presidente do IFB.

“O IDF, por exemplo, é um importante indicador de vendas realizado exclusivamente com os associados do IFB e reúne análises que influenciam diretamente a performance do setor”, complementa.

Leia também:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui