Aluguel residencial tem alta de 2,2% em maio na capital paulista

O índice é menor do que a inflação medida pelo IGP-M.

O valor dos novos contratos de aluguel residencial na cidade de São Paulo tive alta de 2,21% entre junho de 2021 e maio deste ano, segundo pesquisa do Sindicato da Habitação de São Paulo (Secovi-SP).

O índice é menor do que a inflação medida pelo Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) da Fundação Getulio Vargas, que ficou em 10,72% para o período. O índice é usado como referência para o reajuste anual da maior parte dos contratos.

Nos primeiros cinco meses do ano, os valores dos contratos tiveram elevação de 1,4% em comparação com o mesmo período de 2021. Em maio, os alugueis registraram alta de 0,4% em relação ao mês anterior, sendo que os imóveis de um quarto tiveram o maior aumento, de 0,5%.

O fiador foi a forma de garantia mais usada pelos inquilinos, presente em 45,5% dos contratos de maio. O depósito de três meses de aluguel foi utilizada por 39,5% e o seguro-fiança por 15%.

 

Com informações da Agência Brasil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

São Paulo tem nova greve de ônibus

Motoristas param à 0h desta quarta-feira.

EUA já estão em recessão, dizem especialistas

Produção de bens e serviços deve cair 1% no semestre.

Brasil registra saldo de 277 mil novas vagas formais de trabalho

Ministério do Trabalho: SP teve o maior número de novos postos; para Ipea, desemprego em abril bateu menor patamar desde outubro de 2015.

Últimas Notícias

Mania de Churrasco! Prime Steak & Burger abre 12º restaurante no Rio

Unidade da rede de churrascarias no Shopping Nova Iguaçu terá diferenciais especiais.

BB: Crédito para antecipação de IR já supera 2021

Clientes do banco podem antecipar até 100% do valor da restituição do IR, até o limite de R$ 20 mil

Governo divulgará preços dos combustíveis após a redução do ICMS

Ministro: Gasolina cairá de R$ 7,39 para R$ 5,84

Ibef-SP debate o futuro dos meios de pagamento

Ampliar o conhecimento sobre as novas tecnologias para realização de pagamentos nas empresas

Petrobras reinicia processo de venda de três refinarias

50% da capacidade de refino nacional, totalizando 1,1 milhão de barris por dia de petróleo processado