Ambulantes perderam mais da metade do faturamento

Um mês após retomada das atividades, vendas nas ruas seguiam retraídas.

Um mês depois da retomada das atividades comerciais, os ambulantes de Niterói (RJ) registravam perda média de 55% no faturamento. Nove em cada 10 registraram queda nas vendas. A pesquisa “Impactos da pandemia da Covid-19 – Retomada do Comércio ambulante em Niterói” é uma parceria entre a Associação dos Ambulantes (Acanit) e pesquisadores da Universidade Federal Fluminense do projeto UFF nas Ruas – Extensão Universitária e Assessoria Popular. Os dados preliminares foram publicados nesta coluna.

O levantamento mostra que os trabalhadores ambulantes idosos, com mais de 65 anos, registraram a maior perda, de 61%. Thiago José Silva, pesquisador da área de Trabalho do Programa de Pós Graduação em Sociologia e Direito da UFF explica que a cidade ainda ocupa uma posição privilegiada na região metropolitana do Rio: “Niterói é uma das poucas cidades no estado onde a Prefeitura implementou um programa de renda básica municipal, que tem dado suporte às famílias destes ambulantes e ampliado o poder de compra da clientela. Se por aqui a situação das vendas do comércio ambulante é grave, não temos dúvidas de afirmar que no restante do país, a situação seja alarmante.”

Foram ouvidos 253 comerciantes ambulantes, entre 24 e 29 de agosto, semana que marcou um mês da reabertura, com pontos fixos no Centro (86,6%) e em Icaraí, zona nobre da cidade (13,4%). Estima-se que 944 pessoas sobrevivem diretamente do comércio ambulante. A movimentação diária de R$ 81 mil antes da pandemia caiu para R$ 37 mil.

Um dado chama atenção: entre os ambulantes licenciados, quase 1 em cada 10 (9,2%) têm ao menos ensino superior.

 

Benefício para quem, cara-pálida?

A YPF Brasil vai adotar o trabalho remoto de modo permanente. A empresa de energia e lubrificantes automotivos passa a adotar o que chama de “Flexible Work”. “Mais de 60% do nosso quadro de colaboradores será beneficiado pela nova modalidade de trabalho remoto”, salienta Graciele Fagundes do Nascimento, supervisora de RH.

O benefício é concreto para a empresa: “Durante a pandemia e a adoção do home-office no período, tivemos uma redução de aproximadamente 60% no custo de despesas fixas do escritório”, explica Graciele. Não entrou nas contas do RH, mas despesas como transporte também devem ter tido forte queda.

Para o trabalhador, a YPF não anunciou nenhuma indenização pelo aumento de despesas em casa, como energia, por exemplo.

 

Aprovação de menos de 40%

Foi divulgado o resultado preliminar da primeira edição do Exame de Suficiência de 2020 do Conselho Federal de Contabilidade (CFC). Dos 40 mil candidatos que fizeram a prova online, 38,19% foram aprovados. O resultado final do exame sairá em até 50 dias, contados após a aplicação das provas. Detalhes em consulplan.net

 

Ligue djá’

A TV Record, do Bispo Macedo, contratou um neoliberal chamado Rodrigo Constantino, que já “xingou” Olavo de Carvalho de “uma fusão entre Bispo Macedo e Walter Mercado”. “Ligue djá” para o RH!

 

Rápidas

O ministro da Economia, Paulo Guedes, participará nesta terça, às 9h, do Painel Telebrasil 2020. A agenda completa do evento e o acesso gratuito aos debates podem ser feitos aqui *** As advogadas Marina Mendonça e Lara Marujo, sócias do escritório Mendonça e Marujo Advogados, serão as mediadoras do painel “Abuso Infantil e Exploração Sexual: Surgimento, Prevenção e Combate”, em parceria com o IDP, nesta quarta-feira, às 10h, no canal do IDP no YouTube *** Primeiro curso de assessoria de imprensa pelo Zoom, feito pela Comunicação Digital em outubro, permitirá acesso de profissionais de todo o país. Informações pelo e-mail [email protected] *** Acontece nesta terça, às 19h30, o Smart Talks, live que discutirá o uso da tecnologia para a promoção da qualidade de vida do cidadão no conceito de cidades inteligentes. Inscrição aqui *** Aasp realizará nesta quinta-feira, às 10h, o webinar “Transação tributária: instrumento para sucesso da recuperação judicial”. Inscrições aqui *** Orquestras Violões do Forte de Copacabana, projeto com coordenação e direção artística de Márcia Melchior, e SindiRefeiçõesRJ lançam nesta terça-feira, às 18h, uma homenagem aos professores: o minidocumentário Ao mestre com carinho, no YouTube.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

Moeda chinesa na mira dos bancos centrais

Participação como reserva internacional ainda é baixa… por enquanto.

Bolsonaro comanda pior resposta à pandemia da AL

Para formadores de opinião, Brasil foi pior até que a estigmatizada Venezuela.

Cem anos de Celso Furtado

A atualidade de um dos mais importantes intelectuais do planeta.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Lei do Superendividamento favorece negociação e cobrança humanizada

Início das multas no contexto da LGPD também deve frear a oferta de crédito a quem não pode pagar.

Mercado de fertilizantes especiais cresce 41,8% em 2020

Neste ano, a expectativa é de que o setor obtenha uma nova elevação de 24%.

Consumo nos setores de turismo e diversão cresce em junho no Rio

O consumo das classes C e D no Brasil recuou 5% em junho, depois de ter subido 8% em maio, de acordo com a...

População de países emergentes fica ainda mais pobre

Perda de renda foi 2x maior que nas nações ricas.

Pagamento indevidos: TCU encontra 11% de inconsistências no INSS

‘Falhas afetam a confiabilidade do banco de dados’ de benefícios previdenciários.