Ameaça

Mais de 170 toneladas de medicamentos produzidos e comercializados de forma ilegal foram apreendidas nos três primeiros meses do ano, no Brasil. Em todo o ano de 2008, o número chegou a 20 toneladas. Remédios sem registro ou falsificados estão sendo vendidos não só por camelôs ou pela Internet, como também por farmácias que funcionam legalmente. “A pirataria vem sendo considerada pela Interpol como o mal do século e uma de suas formas mais perversas é a falsificação de remédios”, afirmou o presidente do Conselho Nacional de Combate à Pirataria (CNCP) do Ministério da Justiça, Luiz Paulo Barreto.

Risco
Nos primeiro trimestre de 2009, as polícias apreenderam no Brasil mais de 7 mil quilos de agrotóxicos proibidos. No acumulado dos últimos 12 meses, o volume apreendido ultrapassa 40 toneladas – do início da campanha nacional contra os produtos falsificados, em 2002, até agora, quase 360 toneladas desses produtos foram recolhidas. Porém, apenas 15 pessoas já foram presas; outras 450 estão indiciadas em inquéritos e aguardam a Justiça.
Sete anos atrás, estimava-se que a circulação de agrotóxicos ilegais trazia perdas da ordem de R$ 70 milhões a R$ 100 milhões. Este indicador, hoje, beira os R$ 500 milhões.

Imagem
A segurança na cidade do Rio de Janeiro preocupa mais o turista brasileiro que o estrangeiro. A questão é encarada por 40% dos visitantes nacionais como o principal problema carioca; pesquisas similares feitas com turistas estrangeiros nem trazem o tema como preocupação. No último Carnaval, por exemplo, 42% elogiaram a segurança na cidade. A pesquisa com brasileiros, realizada na semana da Páscoa nas zonas Sul e Centro, e coordenada pelos professores Bayard Boiteux e Mauricio Werner, revela que 38% vieram de Minas Gerais; 25%, de São Paulo; e 15%, do Espírito Santo. O gasto médio diário ficou entre R$ 130 e R$ 200.

Reforma
Mais da metade (56%) de executivos ouvidos em pesquisa sobre a proposta de reforma tributária que foi aprovada pela Comissão Especial do Congresso Nacional responderam que o projeto não melhora o desempenho de sua organização; 18% responderam que proporciona; e 26% não possuem opinião. Verificou-se que 56% consideram que a proposta deverá sofrer modificações e 7% acham que o conteúdo deverá ser mantido.
O tema será debatido pela Faculdade de Economia da Universidade de São Paulo (FEA-USP) na Cidade Universitária, no próximo dia 27, das 9h às 17h30, com o secretário extraordinário de Reformas Econômico-Fiscais do Ministério da Fazenda, Bernard Appy, o ex-secretário da Receita Everardo Maciel e especialistas da CNI, Fiesp, Associação Comercial e CUT.

Minha Casa
O deputado estadual Rodrigo Neves (PT-RJ) vai apresentar um projeto de lei para reduzir a alíquota de ICMS que incide sobre os produtos da cesta básica da construção civil que serão utilizados na construção das 75 mil casas do Plano Nacional de Habitação no Rio. Ele propõe também uma mobilização das câmaras de vereadores para isenção de IPTU e do Imposto Sobre Transmissão para a compra dos terrenos.

Chegando
“Em reuniões com empresários, concluímos que, na segunda quinzena de março, o movimento caiu 20%, apesar de a crise ainda estar afetando pouco o comércio”, afirmou o superintendente do Sindicato de Hotéis, Bares e Restaurantes do Rio, José Darcilio. De acordo com pesquisa realizada pelo consultor do sindicato, economista Mauro Osório, vagas de emprego para jovens, que têm bares e restaurantes como seus primeiros trabalhos, mais do que a construção civil, caíram 11%.

Mais do mesmo?
A Embratel comemora ser a operadora líder do ranking nacional de portabilidade numérica, escolhida por 41% dos 234.268 clientes de telefonia fixa que optaram pela troca de operadora com manutenção do número de seus telefones. Porém, apesar de o diretor executivo da empresa, Marcello Miguel, garantir que a Embratel está preparada para atender à demanda de novos clientes, o serviço tem recebido queixas, principalmente visitas marcadas e não realizadas – prática costumeira das companhias mais antigas, como Telefônica e Oi, e que ajudou a minar a imagem dessas empresas junto aos consumidores.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorCiti na mira
Próximo artigoIn loco

Artigos Relacionados

Bolsonaro invade TV Brasil

Programação foi interrompida 208 vezes em 1 ano para transmissão ao vivo com o presidente.

FMI: 4 fatores ameaçam inflação

Fundo acredita que preços deem uma trégua no primeiro semestre de 2022, mas...

Pandora Papers: novos atores nos mesmos papéis

Investigação mostra que pouco – ou nada – mudou desde 2016.

Últimas Notícias

Reforma da Previdência desestimulou contribuição

Por Isabela Brisola.

Guedes fica mesmo avaliado com nota baixa

Apesar de abrir a possibilidade de aumentar a crise econômica e do desrespeito ao teto de gastos ou outras regras fiscais para bancar medidas...

Ex-ministro de Temer substituirá Funchal

O ex-ministro do Planejamento Esteves Colnago assumirá o comando da Secretaria Especial de Tesouro e Orçamento da pasta. A nomeação foi confirmada nesta sexta-feira...

Receita Federal abre consulta a lote residual de Imposto de Renda

A Receita Federal abriu nesta última sexta-feira consulta a lote residual de restituição do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) relativo ao mês...

Vendas do Tesouro Direto superam resgates em R$ 1,238 bi em setembro

As vendas de títulos do Tesouro Direto superaram os resgates em R$ 1,238 bilhão em setembro deste ano. De acordo com os dados do...