Anatel adia assinatura de contratos da telefonia fixa

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) adiou assinatura de contratos da telefonia fixa para o próximo dia 28. Os contratos a serem assinados no final do mês terão validade pelos próximos 20 anos. A previsão era de que a agência e as concessionárias Embratel, Telemar, Brasil Telecom (BrT), CTBC Telecom, Sercomtel e Telefônica assinassem hoje os contratos, mas a Anatel alega que os técnicos precisam de mais tempo para finalizar o marco regulatório.
A agência divulgou recentemente as mudanças para o próximo ano, sendo uma das principais o novo indexador das tarifas, o Índice de Serviços de Telecomunicações (IST). O índice é composto por diversos outros índices com predominância do IPCA (46,27%). Houve também conversão da cobrança do sistema de pulsos para minutos e o direito ao consumidor de exigir o detalhamento da conta sem custo adicional.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorBolha
Próximo artigoAvenida Brasil

Artigos Relacionados

Indústria naval apresenta propostas para eleições 2022

Setor quer deixar para trás maré ruim dos últimos 7 anos

Brics+ será gigante em alimentos e energia

Bloco ampliado desafia EUA rumo a nova ordem mundial.

Para combater Putin, adeus livre mercado

Teto para preço do petróleo é nova sanção desesperada do G7.

Últimas Notícias

Ford Brasil: Centro global de exportação de serviços de engenharia

Projetos de ponta voltados ao futuro da mobilidade, como veículos elétricos, autônomos e conectados. 

Senado vai analisar vetos na Lei Aldir Blanc

Existe uma fila de 36 vetos aguardando votação dos senadores e deputados

Caixa: desconto de até 44% para regularizar penhor em atraso

As unidades com serviço de penhor disponível podem ser consultadas no site da Caixa

Índice de Preços ao Produtor (IPP) sobe 1,83% em maio

Das 24 atividades analisadas, 21 tiveram alta de preços

Acqio inclui transações via Pix em suas soluções de pagamento

Em abril os pagamentos feitos via Pix atingiram a marca histórica de 11,5%, no comércio eletrônico