Análise empresas: De Maio Gallo

De Maio Gallo

Industrializa e comercializa silenciadores, canos de escape e terminais para veículos automotores, abastecendo o mercado de reposição nacional.
Tem acumulado sucessivos prejuízos, graças à insuficiência de capital de giro em volumes significativos, decorrentes da redução de vendas, dos encargos financeiros originados da acumulação de impostos, contribuição e retenções a recolher em atraso.
Algumas medidas estão sendo tomadas:
Parcelamentos e reparcelamentos de impostos, contribuições e retenções a recolher.
Reestruturação do nível de atividades para adequar a estrutura da empresa aos volumes viáveis de negócios, de forma a atingir rentabilidade satisfatória.
Alienação de ativos operacionais ociosos.
Adesão ao programa de recuperação fiscal (REFIS).
A empresa, à partir de outubro de 1999, passou a concentrar sua atividade operacional na prestação de serviços de industrialização, principalmente para a acionista Mastra e Comércio Ltda.
Nos últimos três exercícios sociais, os seus desempenhos foram os seguintes:

R$ Mil
31/12/97 31/12/98 31/12/99
Receita líquida de vendas 20.204 15.539 13.019
Lucro / Prejuízo do exercício (3.910) (8.309) (11.492)

No primeiro trimestre deste ano a situação da empresa continuou bastante ruim: ela obteve prejuízo líquido de R$ 607 mil. A companhia precisa de linhas de créditos para financiamentos de longo prazo, mas em razão da fragilidade de seus números, fica inviabilizada esta alternativa.
Em 31/03/2000 o patrimônio líquido estava negativo em R$ 29.079 mil.
Em 31/02/2000 os impostos, contribuições e retenções a recolher e em atraso, tinham a seguinte composição:

R$ Mil
IRRF 374
INSS 3.125
ICMS 312
IPI 7.501
PIS 409
COFINS 2.865
Outros 102
14.688

Impostos e contribuições parcelados:

R$ Mil
INSS 6304
ICMS 4445
IPI 8.156
PIS 427
COFINS 1.487
20.819
Total geral 35.507

Em bolsa, suas ações desvalorizaram 76,7% em 1999, e 32,4% em 2000. Pela difícil situação econômica financeira em que se encontra, não desperta atratividade.

por Carlos Antonio Magalhães
Diretor da Sirotsky & Associados

Artigo anteriorDe Maio Gallo pn
Próximo artigoCOMGÁS

Artigos Relacionados

Aneel pode reajustar ainda mais tarifa de energia em agosto

IPCA deve ser em todo o mês de julho de +0,88%, sendo maior devido a todo o impacto do reajuste dentro da bandeira vermelha nível 2.

Mercados operam em alta com dados de atividade

IPCA-15 sobe 8,59% em 12 meses.

Alta pode prosseguir

Declarações de Guedes foram avaliadas como otimistas, mas os mercados no exterior também ajudaram no desempenho local.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

KPMG é alvo de críticas por auditorias em bancos ingleses

A KPMG, empresa que presta serviços de auditoria, enfrenta uma nova onda de críticas sobre a qualidade das seus trabalhos nos bancos, depois de...

Airbus inaugura projeto de aeronaves A350 na China

A Airbus inaugurou seu projeto de aeronaves A350 em seu centro de conclusão e entrega de fuselagem larga em Tianjin, norte da China. É...

Plataforma P-70, na Bacia de Santos, alcança capacidade de projeto

A P-70, localizada no campo de Atapu, na porção leste do pré-sal da Bacia de Santos, atingiu em 12 de julho sua capacidade de...

BC amplia iniciativas de ESG para suporte ao crédito

As recentes iniciativas regulatórias do Banco Central do Brasil (BC) para intensificar as divulgações relacionadas a questões ambientais, sociais e de governança (Environmental, Social...