Arábia Saudita concede 348 licenças para empresas estrangeiras

Segundo Ministério dos Investimentos do país, houve aumento no número de concessões em 19% no primeiro trimestre.

O Ministério dos Investimentos da Arábia Saudita informou na última semana que concedeu no primeiro trimestre deste ano 348 novas licenças para empresas estrangeiras operarem no mercado saudita. De acordo com o material divulgado pela pasta, as licenças dadas representam um aumento de 19% sobre o mesmo período do ano passado e de 20% sobre os três meses anteriores.

Segundo o ministério, o crescimento começou a se acelerar em março, quando os mercados globais reagiam aos impactos da pandemia do coronavírus. O material divulgado também informa que o aumento ocorreu quando a Autoridade Geral de Investimentos (Sagia) passou a responder a um ministério dedicado ao assunto em larga escala. A Sagia é responsável por facilitar os investimentos externos.

"Ao olharmos para o futuro pós-Covid-19, essa é uma demonstração tranquilizadora da confiança dos investidores estrangeiros nas perspectivas de longo prazo do reino como um destino atraente para investimentos", disso o ministro de Investimentos, Khalil Al Falih. Segundo ele, foi o melhor desempenho do país na área dos últimos 10 anos.

A maior parte das licenças foi concedida para investidores dos EUA e do Reino Unido. Foram dadas permissões para empresas industriais, de varejo, turismo, comércio eletrônico, cultura, entretenimento e tecnologia da informação e da comunicação.

 

Agência de Notícias Brasil-Árabe

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Mais navios deixam a Ucrânia com 58 mil t de milho

Três navios foram autorizados a sair com grão da Ucrânia.

Preços dos alimentos caem em julho mas ainda estão 13,1% acima de 2021

Óleos vegetais e cereais contribuíram para redução.

Payroll teve leitura fortemente acima do esperado

Mercado de trabalho mostra aperto considerável, com indicações de restrições prolongadas no lado da oferta.

Últimas Notícias

BNDES: R$ 6,9 bi para construção da linha 6 do metrô de SP

Total previsto de R$ 17 bilhões financiados por um consórcio de 11 bancos

Área de oncologia movimenta R$ 50 bilhões no Brasil

Cerca de 625 mil novos casos de câncer são diagnosticados por ano

Títulos públicos prefixados: maiores rentabilidades de julho

Destaque ficou com os prefixados de vencimentos mais longos, representados pelo IRF-M1+

Economia prepara projeto para abrir fundos de pensão ao mercado

Em jogo, patrimônio de R$ 1 trilhão acumulado pelos fundos fechados de previdência.