Aversão ao risco no exterior pode pressionar mercado local

Índices futuros acionários de Nova Iorque sugerem possibilidade de um dia ruim para os mercados à vista

19
Bolsa de Nova Iorque (Foto: Jeffrey Zeldman/CC)
Bolsa de Nova Iorque (Foto: Jeffrey Zeldman/CC)

Neste início de semana, os mercados ficam atentos para a divulgação do PIB do último trimestre de 2023 dos EUA e do Brasil. Além disso, tem-se destaque na agenda econômica da semana os dados de inflação americana e brasileira, além das falas de diretores do Federal Reserve.

Nos negócios locais, é esperado um dia mais pressionado em função da aversão ao risco observada no exterior, que se soma ainda com o sinal vermelho no petróleo e no minério de ferro. No câmbio, o dólar ganha força no exterior, ao passo que as commodities caem, o que pode implicar em um dia ruim para o real.

No exterior, os contratos futuros de petróleo operam no vermelho nesta manhã, assim como os índices futuros acionários de Nova Iorque, sugerindo a possibilidade de um dia ruim para os mercados à vista. Na Europa, o sinal vermelho também predomina entre as principais Bolsas. Por fim, na Ásia as Bolsas fecharam sem direção única nesta segunda-feira.

Na última sessão, o contrato futuro de dólar fechou em forte alta e com volume de negociação novamente superior. Com isso, a moeda americana volta a operar acima das médias de preços de fechamento dos últimos 20 e 200 dias.

Espaço Publicitáriocnseg

.

Yuri Pasini

Trader Mesa de Câmbio do Travelex Bank

Leia também:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui