Banco central da China anuncia corte da taxa de depósito compulsório

Cerca de 1,2 trilhão de yuans (188,4 bilhões de dólares) em fundos de longo prazo serão liberados devido a esse corte

Foto de arquivo mostra uma funcionária do banco checando cédulas de RMB em um banco em Lianyungang, província de Jiangsu, leste da China. (Xinhua / Si Wei)

Xinhua - Silk Road

 

BEIJING, 6 dez (Xinhua) — O banco central da China anunciou nesta segunda-feira que decidiu cortar o coeficiente de reservas obrigatórias (RRR) para instituições financeiras para apoiar o desenvolvimento da economia real e reduzir o custo geral do financiamento.

A proporção será reduzida em 0,5 ponto percentual, a partir de 15 de dezembro, exceto para as instituições financeiras que já implementam um RRR de 5%, revelou o Banco Popular da China (PBOC, sigla em inglês) em um comunicado.

Após a redução, o RRR médio ponderado para as instituições financeiras chinesas ficará em 8,4%.

Cerca de 1,2 trilhão de yuans (188,4 bilhões de dólares) em fundos de longo prazo serão liberados devido a esse corte.

Tomando isso como uma operação normal da política monetária do país, o Banco Popular da China disse que as instituições financeiras usarão parte dos recursos liberados para pagar as linhas de crédito de médio prazo vincendas, e o restante será usado a repor os fundos de longo prazo para melhor atender às necessidades do mercado entidades.

A redução também reduzirá os custos do fundo para instituições financeiras em cerca de 15 bilhões de yuans por ano, de acordo com os cálculos do PBOC.

Pode orientar as instituições financeiras a usar ativamente os fundos liberados para fortalecer o apoio à economia real, especialmente as empresas menores, e reduzir o custo de financiamento abrangente, disse o PBOC.

O banco central explicou que continuará a implementar uma política monetária prudente, priorizando a estabilidade e evitando estímulos “semelhantes a inundações”.

Esta medida também faz parte dos esforços para manter uma liquidez razoavelmente ampla, fortalecer os ajustes cíclicos e promover a consistência das macropolíticas para os anos de 2021 e 2022. Fim

Leia também:

Banco Central da China conduz 100 bilhões de yuans em recompra reversa

Xinhua Silk Road
Agência de notícias oficial do governo da República Popular da China.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

China intensifica reforma de classificação de risco no mercado

A China intensificou a reforma no setor de classificação de créditos, à medida que novas regras para melhorar os padrões e regulamentações do setor entraram em vigor em 6 de agosto, em meio ao esforço mais amplo do país para reduzir os riscos financeiros e liberar ainda mais o potencial de seu enorme mercado de títulos.

China aprimora serviços de transporte para atender viagens de verão

A China vem aprimorando os serviços de transporte ferroviário e aéreo na corrida de viagens de verão, a fim de garantir viagens seguras para os passageiros.

Exportações de NEV da China aumentam 37,6% no ano em julho

As exportações de veículos de nova energia (NEV, sigla em inglês) da China registraram um crescimento anual de 37,6%, chegando a 54.000 unidades em julho, segundo os dados da Associação Chinesa de Fabricantes de Automóveis (CAAM).

Últimas Notícias

Como automatizar os processos e humanizar o atendimento

Por Manoel Valle.

Fiagros têm captação líquida satisfatória até junho

Esses fundos entraram em operação em agosto de 2021

Vendas financiadas de veículos leves e pesados crescem pouco

Em relação a julho de 2021, no entanto, queda é de 18,8%

Índices influenciaram o mercado nesta semana

Ibovespa encerrou nesta sexta-feira com alta de 2,33%

Petrobras informa sobre venda de direitos minerários de potássio

A Petrobras informa que iniciou a etapa de divulgação da oportunidade (teaser), referente à venda de seus direitos minerários para pesquisa e lavra de...