Banco Central da China injeta liquidez no mercado

169

O Banco Popular da China (PBoC, o Banco Central do país) injetou 50 bilhões de iuanes (US$ 7,07 bilhões) no sistema financeiro nesta segunda-feira.

A institiução injetou a liquidez no mercado através de recompras reversas (reverse repos) de sete dias a uma taxa de juros de 2,55%.

Sem acordo de recompras reversas vencido nesta segunda-feira, isso resultou em uma injeção líquida de 50 bilhões de iuanes.

Um acordo de recompra reversa é um processo pelo qual o Banco Central compra valores dos bancos comerciais por licitação, com um acordo para vendê-los de volta no futuro.

Espaço Publicitáriocnseg

Em 2019, a China manterá sua política monetária prudente "nem muito rigorosa nem muito frouxa" e uma liquidez no mercado em um nível razoavelmente amplo.

 

Agência Xinhua

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui