Barrados no baile

Admirador da cultura nacional, o presidente do BNDES, Carlos Lessa, poderia aproveitar o lançamento da linha do banco para financiar a indústria cinematográfica local para fazer um apelo aos empresários do setor: que pratiquem preços mais compatíveis com a renda dos brasileiros. O valor da entrada do cinema, que, até pouco mais de uma década, era uma das formas de lazer mais baratas do país, hoje chega a beirar o equivalente a US$ 6 em alguns cinemas. Apenas a título de comparação, na Dinamarca, o ingresso custa entre US$ 9 e US$ 10. Lá, no entanto, o salário mínimo está na faixa de US$ 1,2 mil, contra US$ 86 no Brasil.

Licitação
O tão esperado edital de licitação da Transpetro para a construção de 22 navios deverá sair na próxima semana. As obras estão orçadas em cerca de US$ 1 bilhão. Ainda não estaria solucionado, no entanto, o problema das garantias. A equipe econômica ainda impede uma solução, que passaria pelo BNDES, mas esbarra nos xiitas do Ministério da Fazenda. Os estaleiros não têm condições para bancar as garantias.

Última vez
O cineasta norte-americano Michael Moore, autor do documentário Fahrenheit – 11 de Setembro – que detona a gestão do presidente George W. Bush – enumerou 17 razões para os norte-americanos “não cortarem os pulsos” por causa da reeleição de Bush filho. Moore diz que o único grupo etário no qual Kerry teve a maioria dos votos foi o formado por adultos jovens. Para ele, isso prova que os pais dos eleitores estão sempre errados e, portanto, nunca devem ser ouvidos. Outra razão citada pelo irônico cineasta é que 88% dos votos de Bush vieram dos eleitores brancos. Segundo ele, em 50 anos os Estados Unidos não terão maioria branca. “Ei, 50 anos não é tanto tempo!”. Mas o motivo definitivo para ver “um lado bom em tudo” é que a lei proíbe Bush de concorrer à Presidência novamente.

Infância sem-terra
A desnutrição em crianças em um acampamento do Movimento dos Sem-Terra (MST) é menor que a média do país: 7,6%, ante 10,5%, de acordo com uma pesquisa realizada por Silvia Eloisa Priore, da Universidade Federal de Viçosa. O perfil dos 51 meninos e meninas de até cinco anos de idade em um assentamento rural de Minas Gerais mostra que 49 tinham vermes e mais de 50% delas apresentavam infestações por dois ou mais parasitas. Mais de 47% estavam anêmicos e 34% das crianças não estavam com a vacinação em dia, segundo a agência de notícias especializada Notisa.

Bola cheia
Apesar do mau momento do time dentro de campo, cerca de 3 mil camisas oficiais do Botafogo são vendidas por mês em todo o país, segundo a Kappa. De acordo com a fabricante, o clube hoje está entre as marcas mais vendidas em nível nacional, disputando espaço com as ditas maiores torcidas. A empresa está surpresa com as vendas, porque o Ibope estima uma torcida do Botafogo bem menor e devido ao momento ruim do time no Campeonato Brasileiro. Se acompanhasse as pesquisas eleitorais, talvez a fabricante de uniformes esportivos não se surpreendesse tanto. E se, a exemplo das demais marcas esportivas, oferecesse preços mais compatíveis com a renda dos brasileiros, teria um exemplo ainda mais fiel da relação dos torcedores com seus clubes.

Curto-circuito
Nem matemáticos com pós-doutorado conseguiram entender as explicações da Agência Nacional de Energia (Aneel) sobre como chegou ao aumento “total” de 13,51% para a tarifa cobrada pela Light. Como o aumento para o setor industrial foi de 12,46% e para os residenciais de 0,6%, a conta não fecha.

Curto-circuito II
A explicação sobre a forma de cálculo da tarifa da Light, no entanto, está longe de ser a parte mais confusa da história. Como a Aneel divulgou que, ano passado, a base de cálculo fornecida pela empresa para a definição do aumento anual resultou numa transferência indevida de R$ 345 milhões dos consumidores, industriais e residenciais, para a distribuidora, a agência tem de explicar por que a devolução não foi feita integralmente este ano. Além disso, consumidores têm direito à devolução em dobro, e corrigidos monetariamente, em caso de sofrerem cobrança abusiva.

Artigo anteriorVade retro
Próximo artigoCombustível verde
Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

Privatização da Eletrobras aumentará tarifa em 17%

Estatal dá lucro e distribuiu R$ 20 bi em dividendos para a União.

Dois mitos sobre a Petrobras

Mídia acionada pelo mercado financeiro abusa de expedientes que ataca quando usados por bolsonaristas.

Mudar preços implica parar venda de refinarias

Mercado financeiro cobrará deságio, e Petrobras precisa de ativos para poder operar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

IGP-M acumula inflação de 28,94% em 12 meses

Segundo FGV, taxa ficou em 2,53%, em fevereiro, após registrar 2,58% em janeiro.

Confiança do comércio tem leve alta em fevereiro

Segundo a FGV, é a primeira alta depois de quatro quedas consecutivas.

Balanço melhor que o esperado da Petrobras anima mercado nacional

Hoje, no exterior, Bolsas mundiais operam sem direção única.

O futuro está nas criptomoedas?

Quarta foi de intensa volatilidade nos mercados externos; por aqui com justificativa, ainda em função do imbróglio de Petrobras e Eletrobras.

Preços dos carros mais vendidos subiram 9,4% em média em um ano

Com 18,23% de variação, Renault Kwid foi o que mais subiu de preço entre os 13 mais vendidos.