BB: Crédito para antecipação de IR já supera 2021

Clientes do banco podem antecipar até 100% do valor da restituição do IR, até o limite de R$ 20 mil

O Banco do Brasil acaba de ultrapassar R$ 408 milhões de desembolso na linha de crédito para antecipar restituição de Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF). Esse volume já é superior às liberações realizadas durante todo o ano passado. O tutorial no YouTube do BB (Como antecipar a restituição de IR pelo AppBB) já contabiliza mais de 14 milhões de visualizações.

“A antecipação da restituição de IRPF é alternativa de crédito para quem busca reorganização financeira, sem impacto mensal de prestações. Desde março, quando reabrimos a linha, já são mais de 163 mil operações contratadas”, destaca Ricardo Sehn, executivo da área de empréstimos e financiamentos do banco.

O BB disponibiliza o CDC Antecipação IRPF com taxas que variam de acordo com o perfil do cliente, a partir de 1,99% ao mês. Clientes do Banco podem antecipar até 100% do valor da restituição do Imposto de Renda, até o limite de R$ 20 mil.

O pagamento é feito de forma automática, direto em conta corrente, em parcela única, no dia do recebimento da restituição ou no vencimento final do contrato, previsto para janeiro de 2023, conforme o que ocorrer primeiro.

A contratação pode ser realizada até o dia 30 de setembro, na rede de agências do Banco e nos canais digitais, com envio do recibo da DIRF por meio eletrônico, celular ou computador. Neste ano, mais de 30% dos clientes optaram por antecipar o crédito direto no aplicativo.

Leia também:

Como evitar armadilhas do cartão de crédito

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Ações do setor de saúde puxam Ibovespa

Destaque também para Petrobras, que celebrou novo aditivo ao contrato de compra de gás natural com a YPFB

Mais de 33 milhões de pessoas passam fome no Brasil

B3: Pacto pelos 15% com Fome, da Ação da Cidadania

Resgates em fundos de investimento superam aportes em julho

Saída de classes mais arriscada deve permanecer por mais um tempo após nova alta da Selic.

Últimas Notícias

Armazém Cultural: Câmara debate veto do prefeito do Rio

.Comissão de Justiça e Redação recomenda rejeição ao veto

Plataformas da Bacia de Campos tem hotéis flutuantes

Petrobras estuda investir US$ 220 milhões até 2023

Ações do setor de saúde puxam Ibovespa

Destaque também para Petrobras, que celebrou novo aditivo ao contrato de compra de gás natural com a YPFB

Governo de MG conclui leilão de 627,4 km de rodovias

Investimentos de R$ 3,2 bi, sendo R$ 1,4 bi nos oito primeiros anos da concessão

Bancos chineses: mais empréstimos para empresas privadas

No final de junho aumento de 11,4% em relação ao ano anterior