Bebida e sobremesa aumentam em 35% o valor da refeição fora de casa

46
Vinhos doces da Hungria - Tokaji (foto de Míriam Aguiar)
Vinhos doces da Hungria - Tokaji (foto de Míriam Aguiar)

A pesquisa de Preço Médio divulgada em outubro de 2023 pela Associação Brasileira das Empresas de Benefícios ao Trabalhador (ABBT) demonstrou que consumir bebida e sobremesa nas refeições fora de casa podem aumentar em 35% o valor gasto, como no caso do prato comercial: em média, a pesquisa demonstrou que a bebida custa R$ 5,97 e a sobremesa R$ 11,44, o que eleva o gasto dessa opção de R$ 34,32 para R$ 46,60.

Segundo a pesquisa, há uma grande diferença entre as categorias quando se trata da participação da sobremesa e bebida no valor total, isso porque os serviços prestados em cada tipo de estabelecimento permitem agregar valor e aumentar o preço. Ao analisar o recorte individual, as bebidas são mais comoditizadas, com menor poder de diferenciação, já a sobremesa pode levar a um aumento de 18% do valor, como é o caso do à la carte.

“Os números demonstram uma necessidade de mudança de hábitos do consumidor ou procura por alternativas que barateiem os custos. Em uma realidade nacional que o vale-refeição está durando uma média de 11 dias, de acordo com o recente levantamento que realizamos na Pluxee, é fundamental que o trabalhador conheça os estabelecimentos da região e, sempre que possível, buscar promoções ou programas de pontos/fidelidade oferecidos pelo restaurante ou pela própria empresa de benefícios, assim, poderá aumentar o seu poder de compra e continuar comendo sua sobremesa e bebida diária sem afetar tanto no valor final”, coloca Luiz Louzada, Diretor Comercial Corporate.

O estudo foi realizado entre junho e agosto de 2023 em 4.516 estabelecimentos comerciais, entre restaurantes, bares, lanchonetes e padarias que servem refeições em 51 cidades brasileiras.

Espaço Publicitáriocnseg

Leia também:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui