Bilheteria anual da China chega a US$ 7,22 bilhões

A receita de bilheteria da China em 2021 ultrapassou 46 bilhões de yuans (US$ 7,22 bilhões) até agora, continuando a liderar o mercado global de cinema.

Um pedestre passa por um cartaz do filme “Detetive Chinatown 3” em Beijing, capital da China, em 17 de fevereiro de 2021. (Xinhua/Chen Zhonghao)

Xinhua - Silk Road
Xinhua – Silk Road

Beijing, 24 dez (Xinhua) — A receita de bilheteria da China em 2021 ultrapassou 46 bilhões de yuans (US$ 7,22 bilhões) até agora, continuando a liderar o mercado global de cinema.

Faltando só uma semana para o final de 2021, espera-se que a China mantenha sua posição como maior mercado de bilheteria mundial pelo segundo ano consecutivo.

Oito dos 10 maiores sucessos de arrecadação deste ano na China são produções domésticas, de acordo com o rastreador de bilheteria Maoyan.

No topo do ranking anual está o blockbuster patriótico chinês “A Batalha no Lago Changjin”, que faturou quase 5,77 bilhões de yuans desde 30 de setembro.

O épico de guerra é atualmente o título de maior bilheteria de todos os tempos na China e também o maior arrecadador em todo o mundo este ano, segundo dados do Maoyan e do Box Office Mojo.

As comédias nacionais “Hi, Mom” e “Detetive Chinatown 3”, ambas lançadas durante o feriado de Ano Novo Chinês, aparecem em segundo e terceiro lugares no ranking de bilheterias da China de 2021 com 5,41 bilhões de yuans e 4,52 bilhões de yuans, respectivamente.

Os únicos dois filmes estrangeiros no top 10 são as produções americanas “F9: The Fast Saga” e “Godzilla vs. Kong”, que estão em quinto e oitavo lugar, com 1,39 bilhão de yuans e 1,23 bilhão de yuans, respectivamente.

Xinhua Silk Road
Agência de notícias oficial do governo da República Popular da China.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

China intensifica esforços no apoio à construção de cenários de IA

O Ministério da Ciência e Tecnologia da China (MOST) anunciou nesta segunda-feira que apoiaria a construção de dez cenários de aplicação de demonstração de inteligência artificial (IA), a fim de promover o uso de IA e promover um novo motor de crescimento econômico.

Expo internacional de Rota da Seda promove cooperação profunda do C&R

A Sexta Exposição Internacional da Rota da Seda teve início no domingo em Xi'an, capital da Província de Shaanxi, no noroeste da China, com uma cooperação mais profunda do Cinturão e Rota no topo da agenda.

China planeja transformar Wuhan em centro de consumo internacional

A China aproveitará o poder de consumo em Wuhan, Província de Hubei, centro da China, e transformará Wuhan em um centro de consumo internacional, informou o Shanghai Securities News, administrado pela Xinhua, nesta segunda-feira.

Últimas Notícias

Mercado imobiliário dos EUA entra em recessão

Seis em 10 norte-americanos temem não conseguir pagar suas hipotecas em 2023.

Nubank: resultado do 2T22 e a perspectiva de recuperação das ações

Destaque para captação de clientes, mas risco de inadimplência é alto.

Rio CVB: Receita do Rock in Rio acima de US$ 158 milhões

Evento deve gerar pagamento de US$ 7,9 milhões em impostos à cidade.

Anatel recebe cerca de 1 milhão de queixas

Reclamações foram contra serviços de telefonia, internet e TV.

Europa admite 2 pesos na crise na Ucrânia e em Gaza

Cinismo típico da mentalidade colonial