Bispos lamentam exploração da fé para angariar votos

175

“Lamentamos, neste momento de campanha eleitoral, a intensificação da exploração da fé e da religião como caminho para angariar votos no segundo turno. Momentos especificamente religiosos não podem ser usados por candidatos para apresentarem suas propostas de campanha e demais assuntos relacionados às eleições.

Assim a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) se manifestou, em nota divulgada nesta terça-feira, contra o anúncio do presidente Jair Bolsonaro de comparecer nas comemorações de Nossa Senhora da Aparecida nesta quarta-feira.

“Desse modo, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) lamenta e reprova tais ações e comportamentos”. “Os bispos recordam que a manipulação religiosa desvirtua valores do Evangelho e tira o foco dos reais problemas que precisam ser debatidos e enfrentados no país”.

A divulgação da nota foi a posição tomada pela cúpula do episcopado brasileiro contra o presidente Bolsonaro, candidato à reeleição, ao tentar se apropriar politicamente do Círio de Nazaré, chegando, inclusive, usar uma corveta da Marinha para participar da procissão marítima, fato que levou a Arquidiocese de Belém divulgar nota criticando a participação do presidente no Círio.

Espaço Publicitáriocnseg

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui