Blecaute

21

A polêmica sobre a criação da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), decidida pelo Congresso Nacional, não se limita à constatação de que muitas de suas atribuições se sobrepõem a atividades da Eletrobrás. Laboratórios de pesquisa ligados a universidades podem ficar sem verba, porque a MP transformada em lei transfere para a EPE 1% da receita operacional líquida que hoje concessionárias de serviços públicos de geração, transmissão e distribuição de energia elétrica são obrigadas a aplicarem, anualmente, em programas de P&D. Em 2003, essa verba montou a R$ 100 milhões. Juntos, os centros de pesquisa absorvem 2.100 profissionais, dos quais 40% são estudantes universitários. A queixa é da Sociedade Brasileira Pró-Inovação Tecnológica (Protec), que denunciou um “apagão da pesquisa”.

É o crescimento, estúpido!
Se a especulação é a principal marca dos mercados financeiros, foi o Banco Central o principal fornecedor do combustível da forte queda dos ativos financeiros nacionais ontem. Depois de quase uma semana em que o ministro Antônio Palocci e os tecnocratas do Banco Central insistiram em proclamar que ajuste fiscal é uma maldição eterna, a ata do Comitê de Política Monetária (Copom) materializou o que isso significa: trava na já tímida queda dos juros. Com o país em recessão há três anos, a teimar em manter a política monetária ortodoxa é o anúncio de fortes emoções sociais, econômicas e por último, mas não menos importante, políticas, com a proximidade das eleições.
Ou seja, a ortodoxia dos neotucanos conseguiu o que parecia impossível: unir empresários, trabalhadores e até vastos setores do mercado financeiro que, por motivos variados, concluíram que, sem crescimento, o país explode.

Descentralização
Comandado pela soja, o Centro-Oeste, com uma alta de 33,09%, liderou o crescimento das exportações em 2003 por regiões. Passou de US$ 2,8 bilhões 2002 para US$ 3,8 bilhões. Em seguida, veio o Nordeste, com 31,2%, alcançando US$ 6,1 bilhões. Apesar do desempenho, o Sudeste, com crescimento de 18,8%, ainda responde por 53% (equivalente a US$ 38,8 bilhões) de tudo que o país exporta.

Fosfosol
Começa nesta segunda-feira o Curso de Leitura Dinâmica e Memorização, coordenado pelo professor Marcos Coimbra, habitual colaborador dessa página do MM. Com aulas às segundas e quintas, de 18h30 às 21h30h, durante cinco semanas, na Cândido Mendes, o curso eleva a velocidade de leitura até, no estágio mais avançado, cinco vezes a velocidade normal; e torna mais fácil a memorização dos conceitos absorvidos na leitura. Informações: (21) 2531-2000, ramal 256 ou 257, e (21) 2531-1588

Anistia
Termina hoje o prazo para pagamento da primeira parcela do Programa de Reestruturação Fiscal do Estado do Rio de Janeiro (Referj), alerta a consultora tributarista Rose Marie de Bom.

Samba atravessado
A poucos dias do Carnaval, a Escola de Samba Mangueira está realizando seus ensaios na Gare da Leopoldina, na Rua Francisco Bicalho. A quadra que a escola utilizava na Rua Benedito Hipólito foi interditada devido às reclamações dos moradores do Edifício Balança Mas Não Cai contra o barulho. Ela só poderá ser reaberta após receber tratamento acústico.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui