Bola com a Dilma

Segundo estudo da Fundação Getúlio Vargas (FGV), cerca de 370 mil pessoas vivem do futebol no Brasil com empregos formais. Apenas nos clubes, contabilizadas todas divisões, o Brasil tem 783 equipes profissionais, que geram cerca de 30 mil vagas e cerca de R$ 2 bilhões por ano. Os números reforçam a necessidade de o governo usar sua influência para ajudar nas profundas mudanças necessárias na estrutura do futebol no país. É inaceitável que, com a dimensão financeira e identitária que tem para o Brasil, esse esporte continue a ser administrado como uma gigantesca e bilionária capitania hereditária.

Tempos modernos
A fronteira movediça entre vida profissional e pessoal que marca as redes sociais, aliada a um crescente processo infantilização dos usuários, provoca ruídos nos ambientes de trabalho. Uma gerente de uma das principais seguradoras do país conta já ter detectado queda de produção na sua equipe por motivos que parecem prosaicos, mas estão se tornando padrões, como de funcionários que ficam emburrados pelo fato de ninguém ter curtido a última foto postada por eles no Facebook.

Pano para manga
Apenas 9,3% dos produtos têxteis vendidos no varejo brasileiro são importados, garante a Associação Brasileira do Varejo Têxtil (Abvtex), citando dados do Iemi. A Abvtex reagiu a notícias de possível aumento do IPI. Diz que qualquer medida que onere artigos importados não resolve o problema da falta de competitividade da indústria nacional e implicará aumento de preços, prejudicando “principalmente, as classes C e D”. A associação defende medidas que reduzam o Custo Brasil. “O setor produtivo brasileiro é onerado pela alta tributação e onerosa folha de pagamentos”, critica.

Choque cultural
Gafes interculturais é o tema de curso que busca mostrar como superar o choque cultural que o profissional estrangeiro enfrenta quando vem trabalhar no Brasil, principalmente nas plataformas de petróleo, onde têm contato com técnicos das mais diferentes nacionalidades. Realizado pela Câmara Brasil-Alemanha do Rio (AHK-Rio) e pela Goingplaces, o evento será dia 27 próximo, no Hotel Royal Macaé, em Macaé.

Não adianta fugir
O Detran do Rio começa nesta quinta-feira a operação de fiscalização circulante, que vai buscar os veículos irregulares que estejam transitando nas ruas e avenidas das cidades fluminenses. Quatro viaturas integrarão cada comboio: duas motos da PM, um veículo equipado com um sistema de leitura de placas interligado ao sistema do departamento e um reboque.

Adiantados
Camelôs da 25 de Março ou da Uruguaiana estão vendendo o iPhone 5. Mais modesta, a Apple, fabricante do celular, ainda está na versão 4S.

Dobradinha
Pelo nível de produção das fotos das vítimas do conflito na Síria - sempre atribuídas ao governo do presidente Bashar al Assad – os preparativos para uma nova “coalizão internacional” em “defesa dos direitos humanos” invadir o país tem na mídia dos grandes grupos internacionais sua infantaria.

Adormecida
O sumiço da Grécia do noticiário após o último empréstimo acertado ao país lembra o da calmaria que antecede as novas explosões do vulcão. Nem a Velhinha de Taubaté acredita que o país escapará de decretar moratória da sua impagável dívida, mas faz bem à alma e ao bolso dos grandes investidores espalhar a boa nova, que levanta as cotações dos ativos financeiros, gerando novas bolhas e futuros pagadores das contas quando a ilusão passar.

Prefeitura carioca
O prefeito Eduardo Paz já teria fechado com o vereador Adilson Pires (PT) para ser seu vice. Já o deputado Marcelo Freixo (PSOL) quer o professor Mauriasi, presidente da Associação de Docentes da UFRJ, para ser o vice, numa coligação com o PCB.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorFrente da indústria
Próximo artigoVerde$

Artigos Relacionados

Os EUA lavam mais branco

Lavagem de dinheiro através de imóveis tem poucos obstáculos na pátria de Tio Sam.

Apagão já foi tragédia, volta como farsa

Modelo de mercantilização da energia é o culpado.

Volume de reservatórios pode cair a 6% em novembro

Quadro crítico poderá ser alcançado em 2 meses, mesmo com tarifaço.

Últimas Notícias

Condomínios do Rio podem exigir comprovante de vacinação

É recomendado que tal exigência seja aprovada em assembleia por maioria dos presentes

Agronegócio brasileiro ainda está amadurecendo tecnologicamente

Por Regina Teixeira – Especial para o Monitor Mercantil

Livro traz bastidores de aquisições de startups por grandes empresas

Livro: 'Saída de Mestre: estratégias para compra e venda de uma startup'

Plano de assinatura garante um smartphone novo todo ano

A parceria une o propósito da Samsung de trazer inovação a cada lançamento - desta vez oferecendo sua terceira geração de smartphones - e...

WhatsApp testa funcionalidade de indicação de negócios em SP

Por enquanto só São Paulo terá esse recurso