Bolsonaro tira Canuto do ministério e põe na Dataprev

Rogério Marinho, que ocupava a Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, será o substituto.

Política / 23:14 - 6 de fev de 2020

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

O presidente Jair Bolsonaro exonerou nesta quinta-feira mais um ministro: Gustavo Canuto, titular da pasta do Desenvolvimento Regional. Para o seu lugar, foi nomeado Rogério Marinho, que ocupava a Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia. As mudanças constam em edição extra do Diário Oficial da União (DOU), publicada no mesmo dia.

Canuto, que é formado em engenharia de computação e especialista em políticas públicas e gestão governamental, vai assumir a presidência da DataPrev, a Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência.

“O presidente da República decidiu, na data de hoje (quinta-feira), nomear para a presidência da Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência Social (DataPrev), Gustavo Canuto. A DataPrev é uma empresa pública que fornece soluções em tecnologia da informação e comunicação para o aprimoramento e execução de políticas sociais do Estado brasileiro. Ela tem como principal cliente o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Foi selecionado por ser um dos melhores quadros para equalizar tecnicamente os desafios enfrentados atualmente pelo INSS. Em consequência, o senhor presidente da República, Jair Bolsonaro, nomeou Rogério Marinho para o cargo de ministro de Estado do Desenvolvimento Regional”, informou o porta-voz da Presidência da República, Otávio Rêgo Barros.

Esta é a quinta mudança na equipe ministerial. Desde que assumiu o cargo, Jair Bolsonaro trocou os titulares do Ministério da Educação (Ricardo Velez por Abraham Weintraub), da Secretaria-Geral da Presidência (Gustavo Bebianno por Floriano Peixoto e, em seguida, por Jorge Oliveira) e Secretaria de Governo (Santos Cruz por Luiz Eduardo Ramos).

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor