Brasil entra com 35% da produção mundial de café

A safra mundial de café robusta para o ano-cafeeiro 2020-2021 está prevista em 74,3 milhões de sacas de 60kg, volume 1,6% maior que 2019-2020. O Vietnã, maior produtor dessa espécie, deverá ser responsável por 29,2 milhões de sacas, volume que representa uma redução de 3% em relação à safra passada. Em relação ao café da espécie arábica a previsão mundial é que sejam produzidas 101,8 milhões de sacas no corrente ano-cafeeiro 2020-2021, safra que corresponde a um aumento de 8,5%, se comparada com a anterior.

O Brasil teve sua safra total estimada em 61,62 milhões de sacas de 60kg, número que representa 35% da produção mundial, estimada em 176.1 milhões de sacas incluindo as espécies de arábica e robusta. Tal produção brasileira contempla 47,3 milhões de sacas de café arábica, que equivalem a 46,4% da produção mundial, e 14,2 milhões de sacas de café robusta, as quais correspondem a 19% do volume físico produzido dessa espécie no mundo. Essa performance posiciona o Brasil em primeiro lugar na produção de café arábica e em segundo lugar na produção de café robusta, em nível global.

Em relação à Colômbia, que é o terceiro país maior produtor de café no mundo, precedida pelo Brasil e Vietnã, cuja safra é exclusivamente da espécie arábica, deverá colher nesse mesmo ano-cafeeiro 14,1 milhões de sacas que correspondem a 13,8% da produção mundial de café arábica e 8% da produção total de café no planeta. Para fins dessas análises, a safra mundial de café do ano-cafeeiro 2020-2021 foi estimada em 176,1 milhões de sacas, sendo 101,8 milhões de sacas da espécie arábica (57,8%) e 74,3 milhões de sacas de café robusta (42,2%).

Os dados e números estatísticos da cafeicultura brasileira e mundial, que permitiram realizar estas análises e estabelecer comparações da produção dos cafés arábica e robusta pelos três maiores países produtores de café (Brasil, Vietnã e Colômbia) foram extraídos do Sumário Executivo do Café – setembro de 2020, da Secretaria de Política Agrícola – SPA, do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (Mapa), disponível na íntegra, no Observatório do Café do Consórcio Pesquisa Café, coordenado pela Embrapa Café.

Neste mesmo contexto de análise da performance da cafeicultura, o Valor Bruto da Produção – VBP dos Cafés do Brasil, também produzido mensalmente pela SPA – Mapa, está estimado em R$ 32,5 bilhões para 2020, sendo R$ 27 bilhões de café arábica, que equivalem a aproximadamente 83% desse total, e R$ 5,5 bilhões da espécie de café robusta, que correspondem a 17% do total do VBP.

Randolpho De Souza
Editor de Seguros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Contração seguida do PIB configura recessão técnica

A quinta-feira foi marcada pela repercussão dos dados divulgados sobre o Produto Interno Bruto (PIB), a soma de todos os bens e serviços produzidos...

BR do Mar tira empregos e financiamento do Brasil

Senado reduz tripulação mínima brasileira para apenas 1/3; abertura na cabotagem não tem precedentes no mundo.

Plenário do Senado derruba esquema de securitização

Sistema desviava impostos pagos pela sociedade para garantir títulos financeiros.

Últimas Notícias

Contração seguida do PIB configura recessão técnica

A quinta-feira foi marcada pela repercussão dos dados divulgados sobre o Produto Interno Bruto (PIB), a soma de todos os bens e serviços produzidos...

Renova Energia fecha negócio da Brasil PCH

A Renova Energia, em recuperação judicial, concluiu nesta quinta-feira a venda de sua posição majoritária na Brasil PCH, sociedade que reúne 13 usinas de...

ANP aprova novas regras para firmas inspetoras de combustíveis

A Diretoria da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) aprovou nesta quinta-feira (02) a resolução que revisa os requisitos necessários para...

Dia de alta para Petrobras e Braskem

A quinta-feira foi um dia de propensão a risco. “Tivemos uma alta bastante expressiva de alguns papéis na bolsa como Petrobras e Braskem. A...

B3 faz leilão do Fundo de Investimentos da Amazônia

Dia 16 de dezembro, a B3 realizará o leilão de valores mobiliários integrantes da carteira de ações do Fundo de Investimentos da Amazônia (Finam),...