Brasileiro é vice em rejeição a impostos

Os brasileiros não gostam de pagar imposto. O senso comum foi confirmado por pesquisa feita pela ONU. Entre 14 países, o Brasil é o penúltimo em aceitação em arcar com os tributos que serão convertidos em infraestrutura, saúde, educação e outros bens. Apenas os cidadãos da Macedônia são mais insatisfeitos.
No outro lado da tabela estão os alemães, o povo que melhor aceita o pagamento de impostos para financiar bens públicos. Vêm a seguir Camboja, Áustria, Kosovo, Bangladesh, Afeganistão e Paquistão, Nepal, Bósnia-Herzegovina, Albânia, Sérvia e Montenegro.
A pesquisa foi realizada pelo Basel Institute of Commons and Economics, da Suíça, e inclui no total 141 países. Mas apenas os resultados de 14 foram divulgados. O estudo completo deve ser publi-cado em março.
Se já não gostam da taxação atual, os brasileiros devem ficar ainda mais insatisfeitos. O novo governo estuda o aumento da alíquota de Imposto de Renda para as faixas mais altas de salários, disse o secretário especial da Receita Federal, Marcos Cintra.
“O sistema tributário brasileiro precisa ter uma certa progressividade”, declarou o secretário, após a cerimônia de transmissão de cargo para o ministro da Economia, Paulo Guedes. A progressivida-de tributária caracteriza-se por onerar os mais ricos e reduzir o peso dos impostos sobre os mais pobres.
Além de aumentar a alíquota para os mais ricos, Cintra disse ser possível reduzir o IR para pessoas de renda menor e ampliar a faixa de isenção. Ele, no entanto, ressaltou que a extensão dos benefí-cios dependerá do ajuste fiscal que o governo conseguir executar, porque o caixa do governo não pode ser comprometido.
Em relação aos demais tributos, Marcos Cintra admitiu que pretende criar um imposto único, desde que a medida estimule a progressividade do sistema tributário.
 

Artigos Relacionados

Índice de alerta de estoque de veículos da China sobe em abril

Parece que os chineses estão mais reticentes em comprar automóveis. O índice de alerta de estoque de veículos da China, que reflete a pressão...

Portugal promete fazer reforma do mercado de capitais

O ministro da Economia de Portugal, Pedro Siza Vieir, destacou nesta terça-feira a importância da reforma do mercado de capitais para o desenvolvimento da...

China se tornará o maior mercado livre de impostos do mundo

O porto de livre comércio (PLC) de Hainan, no sul da China, deverá se tornará rapidamente no maior mercado isento de impostos do mundo...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Conteúdo online voltado para o ensino e para ganhar dinheiro

Cada vez é mais possível aproveitar o conteúdo online para avanços desde a fluência do inglês das crianças a até aprender a operar como trader na bolsa.

Queda de faturamento atinge 82% dos MEI

Em Minas, 60% dos microempreendedores individuais formalizados na pandemia abriram o negócio por oportunidade.

Inflação oficial fica em 0,31% em abril

Grupo com alta relevante no mês foi alimentação e bebidas (0,40%), devido ao comportamento de alguns itens.

Manhã de hoje é negativa em quase todo o mundo

Em Nova Iorque, Dow Jones e S&P futuros cediam 0,10% e 1,04%, respectivamente.

Projeção da Selic é de 5% no final deste ano

Para o ano que vem, analista projeta 6,5%, dado o alerta do Copom sobre o ritmo de normalização após reunião de junho.