Cacau amargo

Um emblemático caso para demonstrar a impotência dos governos que restringem à alta dos juros sua ação para controlar a disparada dos preços dos alimentos – transformados em commodities – pode ser encontrado na disparada da cotação do cacau em julho de 2010. Naquele mês, o preço da tonelada atingiu 2.732 libras em Londres, o maior valor desde 1977. A disparada foi provocada por um ataque especulativo do fundo de hedge Armajaro Holdings, que comprou quase todo o cacau disponível no mercado europeu. De nada adiantaram os protestos dos produtores e as acusações de falta de transparência no negócio. A ação do Armajaro foi facilitada pelas regras da praça londrina, ainda mais favoráveis aos especuladores do que de Nova York.

Opções
A ser crível o cálculo do ministro da Fazenda, Guido Mantega, de que o aumento do salário de mínimo para R$ 560 provocaria um custo extra de R$ 4,5 bilhões aos cofres públicos, o número equivale a praticamente ao mesmo tamanho do rombo provocado por fraudes no Banco Panamericano, que, diante da incapacidade do Banco Central para detectar o problema, receberá aportes de pelo menos R$ 8 bilhões da Caixa Econômica Federal, para continuar operando.

Haveres e deveres
A dúvida sobre a precisão do número apresentado por Mantega – ele estima que cada R$ 1 a mais no bolso de aposentados e pensionistas resulta num acréscimo de R$ 300 milhões na folha da Previdência Social – vem do fato de o cálculo sobre gastos nunca ser acompanhado pelo dos ganhos via aumento de consumo e, et por cause, da arrecadação com impostos. Ou, na linguagem dos guarda-livros, só deveres sem haveres.

Circo
Responsável pela defesa de três dos quase 40 policiais presos na última semana pela Polícia Federal, durante a Operação Guilhotina, o advogado Marcos Espínola não só aponta irregularidades na ação, como afirma que tudo virou uma espécie de espetáculo no qual a repercussão na mídia pareceu ficar em primeiro plano, “criando uma imagem negativa da segurança pública do estado, justamente num momento de conquistas como a tomada do Complexo da Penha e do Alemão.”
Segundo Espínola, a mais grotesca irregularidade é a prisão preventiva dos acusados, que em tese só poderia ser decretada após o recebimento da denúncia, o que ainda não aconteceu.

Dois por um
Além de cometer o crime ao enviar vírus por e-mail, os responsáveis pela mensagem que circula informando problemas na Serasa violam a lei uma segunda vez: afirmam que conseguiram o endereço eletrônico do “cliente” na Receita Federal.

Fatura
A dúvida desta coluna é se a conta que o PMDB vai apresentar ao governo – após a aprovação do novo mínimo sem uma dissidência – é duas, três ou quantas vezes maior que os R$ 4,5 bilhões que a equipe econômica diz que vai poupar sonegando R$ 15 reais ao novo salário.

Artigo anteriorDois pesos
Próximo artigoMais perigosos
Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

G20 analisa aumentar taxação de corporações, mas…

Proposta tem que ser vantajosa para todos, não só para as sedes das multinacionais.

Botes salva-vidas para a classe A

No mundo de negócios, é tudo uma questão de preço.

Mortes dos essenciais

Aumentam em mais de 50% óbitos de caixas, frentistas e educadores.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Eleição no Peru está indefinida. Empate técnico entre 5 candidatos

Primeiro turno será no domingo. segundo turno está previsto para o dia 6 de junho.

Equador: Não haverá contagem rápida no domingo de eleições

Arauz, candidato do ex-presidente Rafael Correa lidera as pesquisas com 37% das intenções de voto contra 30% do candidato do Aliança Creo, o banqueiro Guillermo Lasso.

Indicador econômico global mantém trajetória de recuperação

Segundo FGV, fato reflete avanço das campanhas de vacinação contra a Covid.

Brasil movimentou R$ 2 tri em transações com cartões em 2020

Transações digitais foram impulsionadas por modernização do mercado e pandemia.

IPCA de março variou abaixo da expectativa do mercado

Nossa projeção para o ano que vem permanece de 6,5%, podendo ser antecipada para este ano.