Campos marítimos do pós-sal estão em decadência

Os campos marítimos do pós-sal já produziram cerca de 16 bilhões de barris de óleo equivalente ao longo de sua história, ou seja, 63% de tudo o que foi extraído de petróleo e gás no Brasil até o momento, mas, atualmente, sua produção é declinante, representando apenas 23% da produção nacional. Os dados foram citados pelo diretor-geral da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), Rodolfo Saboia.

A ANP participou na quinta-feira (15) e nesta sexta-feira do 1º Workshop Promar – Programa de Revitalização e Incentivo à Produção de Campos Marítimos, evento realizado pelo Ministério de Minas e Energia (MME) e Instituto Brasileiro de Petróleo e Gás (IBP), e que ocorreu em formato online.

As descobertas declaradas no Boletim Anual de Reservas da ANP mostram que estamos falando de um ambiente que ainda possui grandes oportunidades de aumento do fator de recuperação, que poderão contribuir imensamente para geração de empregos, renda e riqueza neste país. Para alcançar os objetivos do Promar, precisamos não só viabilizar novos investimentos em campos maduros, como também em descobertas sub comerciais existentes, criando melhores condições de aproveitamento econômico de acumulações de petróleo e gás natural em mar consideradas como de economicidade marginal”, comentou Saboia.

Essa camada é denominada de camada pós-sal porque logo abaixo dela pode ser encontrada uma camada geológica formada por sal com profundidade de 3.000 a 5.000 metros.

Leia também:

BC altera norma para segunda fase do open banking

Artigos Relacionados

Estado do Rio registra 68,8 mil novos MEIs

Alimentação fora do lar foi o segmento com mais abertura de empresas, com 10,4 mil novos microempreendedores.

Volume de vendas do varejo restrito regrediu em março

'Recuo foi acima do esperado por nós (-3,4%) e pelo mercado (-5,1%)', diz Felipe Sichel.

Quase 80% não trabalham totalmente remoto na pandemia

Segundo levantamento sobre adaptação ao modelo de teletrabalho, 49,7% dos entrevistados estiveram na empresa semanalmente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Estado do Rio registra 68,8 mil novos MEIs

Alimentação fora do lar foi o segmento com mais abertura de empresas, com 10,4 mil novos microempreendedores.

Volume de vendas do varejo restrito regrediu em março

'Recuo foi acima do esperado por nós (-3,4%) e pelo mercado (-5,1%)', diz Felipe Sichel.

Quase 80% não trabalham totalmente remoto na pandemia

Segundo levantamento sobre adaptação ao modelo de teletrabalho, 49,7% dos entrevistados estiveram na empresa semanalmente.

Tunísia pretende exportar 80 mil toneladas de frutas

País produz pêssegos, nectarinas, damasco, ameixa e estima aumento de 7% na safra de frutas em 2021; grandes importadores são Líbia, França e Itália.

Rio acaba com toque de recolher

Novas medidas têm validade até o dia 20 de maio; medidas podem ser revistas.