Carentes

A campanha Criança Esperança, da Unicef e Rede Globo, espera arrecadar R$ 12 milhões em doações feitas por telefone. Além do dinheiro para crianças carentes, quem atender ao apelo do órgão das Nações Unidas vai também estar colaborando para o faturamento de telefônicas. Isso porque, a exemplo do ano passado, as ligações não são mais gratuitas. Custam R$ 0,27 (mais impostos) se feitas de telefone fixo e R$ 0,50 (mais o quinhão dos governos) se originadas de celular. Considerando uma média de R$ 10 por telefonema, serão 1,2 milhão de ligações, o que levará mais de R$ 350 mil para os cofres as empresas carentes.

Licitação
A Petrobras abrirá, no final desta semana ou no início próxima, licitação para a construção do FPSO (plataforma navio, tipo P-35), que vai operar no módulo 1 do Campo Marlim Sul, na Bacia de Campos. As empresas nacionais ou estrangeiras terão dois meses para apresentarem seus preços. Os investimentos serão de US$ 400 milhões em perfuração. O contrato será de oito a nove anos e a plataforma tem que estar disponível para entrar em operação em 14 meses. A plataforma irá produzir cerca de 100 mil barris/dia e algo em torno de 3 milhões de metros cúbicos de gás.

Encalhado
O presidente da Petrobras, Francisco Gros, disse ontem, durante o anúncio do lançamento da primeira seleção pública de projetos de remo e canoagem, que faz parte do Programa Petrobras Esportes Náuticos – patrocínio de R$ 500 mil – que não iria falar sobre nenhum assunto que não fosse esportes. Os selecionados no programa torcem para que os projetos não sejam financiados pelo Fundo de Marinha Mercante, cujos recursos são administrados pelo BNDES e que não financia nehuma construção de embarcação contratadas pela poderosa Petrobras. Se barcos e canoas dependerem dessa verba, o Brasil ficará sem medalhas.

Idosos
FH liberou o pagamento da correção do FGTS para idosos acima de 70 anos, sem limite de valor. Leitores desta coluna lembram, porém, que para a maioria dos descontos e vantagens oferecidas à terceira idade o critério é acima de 65 anos – caso de gratuitade para ônibus etc. O presidente da República faria uma boa ação – pelo menos uma – se baixasse o limite; se não por uma questão de justiça, pelo menos para tentar angariar uns votinhos para Serra.

Pingo nos “is”
Esta coluna dá um tempo nos temas áridos da economia e mete o pitaco no futebol. Só para rebater um termo que vem sendo usado pelos bajuladores de plantão: o técnico Felipão não foi “pentacampeão mundial”, bem como nenhum dos jogadores da seleção. No Mundial da Coréia e Japão, eles se sagraram simplesmente campeões. Pentacampeã foi a Seleção Brasileira – e, consequentemente, todos nós, felizes habitantes do país do futebol.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorCerco
Próximo artigoEficiência

Artigos Relacionados

Brics+ será gigante em alimentos e energia

Bloco ampliado desafia EUA rumo a nova ordem mundial.

Para combater Putin, adeus livre mercado

Teto para preço do petróleo é nova sanção desesperada do G7.

Inflação engorda lucros de bilionários de energia e alimentos

Fortunas dos ricaços desses 2 setores aumentaram US$ 1 bilhão a cada 2 dias desde 2020.

Últimas Notícias

Acusações de palhaça e possível ação da CVM fazem ação da TC desabar

Papéis chegaram a recuar mais de 25% no pregão desta quinta-feira.

Aqui, na terra, a coisa está preta

Por Paulo Alonso.

Setor público registrou superavit de R$ 358 bi em 2021

O setor público brasileiro registrou um superavit orçamentário de R$ 358 bilhões em 2021, resultado que deriva dos cerca de R$ 6,3 trilhões em...

Triste realidade

Em cada 4 bairros do Rio, 1 tem milicianos ou traficantes

Pré-candidatura de Ceciliano ao Senado ganha apoio na Região Serrana

Prefeito do PSB vira as costas para candidato do partido.