Carros zero terminaram janeiro mais caros ante dezembro de 2023

Seminovos e usados, em contrapartida, iniciaram o ano com os preços médios em baixa; no Rio, Civic é o mais vendido dentre os carros para PcDs

30
Carros novos (Foto: Marcello Casal Jr./ABr)
Carros novos (Foto: Marcello Casal Jr./ABr)

Os carros zero quilômetro começaram 2024 com discreta alta nos preços médios, de acordo a última edição do Monitor de Variação de Preços (MVP) da KBB Brasil. O estudo mostra que os preços médios dos automóveis zero quilômetro de ano/modelo 2024 subiram 0,54% em janeiro, após fecharem dezembro de 2023 com uma pequena queda de -0,21%.

O mercado de carros novos começou o ano com uma queda de -35,73% em comparação com dezembro do ano passado, algo esperado no período em que os consumidores priorizam o pagamento de despesas e impostos. No entanto, o resultado foi 16,58% superior ao de janeiro de 2023, segundo o relatório da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), entidade que representa os concessionários no Brasil.

No caso dos seminovos, os preços mantiveram a tendência de queda apontada em dezembro do ano passado. Os modelos ano/modelo 2022 apresentaram queda de -0,91%, em média, nos preços em janeiro. Os automóveis usados (entre quatro e 10 anos de uso) também seguiram com os preços em baixa no primeiro mês de 2024. Até mesmo os modelos de ano/modelo 2014 e 2015 registraram baixa nos preços em janeiro após terminarem dezembro de 2023 em alta.

Além disso, levantamento da OLX avaliou a comercialização de automóveis usados e seminovos mais recomendados para PcDs, e concluiu que, no Estado do Rio de Janeiro, o Honda Civic é o líder de vendas, com 18% de participação. Em seguida está o Toyota Corolla, com 15% de share, e o Jeep Renegade, com 9%. Por meio da plataforma, os preços médios nacionais podem chegar a uma economia de até 77% se comparado ao modelo novo. O Honda Civic pode ser encontrado por uma média de R$ 60 mil, o Toyota Corolla por cerca de R$ 84 mil e o Jeep Renegade na faixa de R$ 88 mil (valores médios nacionais). Para extrair os dados, a OLX considerou modelos indicados pela pesquisa da Associação Brasileira das Indústrias e Revendedores de Produtos e Serviços para Pessoas com Deficiência (Abridef), divulgada em 2022.

Espaço Publicitáriocnseg

Leia também:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui