CCS-RJ: Uso da inteligência emocional com clientes no ‘novo normal’

Após mais de um ano e meio de pandemia pelo coronavírus, finalmente e felizmente os números de casos e mortes estão caindo consistentemente, criando condições para um retorno à antiga “vida normal”. Como ter inteligência emocional em vendas quando se sente dificuldades o relacionamento com o “novo normal” e, consequentemente, com clientes do mercado de seguros? É essa resposta que o Clube de Corretores do Rio de Janeiro (CCS-RJ) vai buscar na live com a sócia-fundadora da Razões & Couto Consultoria, Angélica Razões, especialista em vendas e desenvolvimento humano.
Com 30 anos de experiência na área comercial e gestão de pessoas no setor, com passagens por Porto Seguro, MetLife, Bradesco Seguros, entre outras empresas do mercado, Angélica vai destrinchar quais são as principais dificuldades enfrentadas neste momento, e como superá-las. “A inteligência emocional em vendas está associada à consciência e ao gerenciamento das situações”, destaca ela.
Graduada em Administração e Gestão Comercial, Angélica Razões tem um extenso currículo de treinamentos e palestras em: gestão de pessoas; coaching de desenvolvimento humano; analista comportamental; customer success; customer experience; aperfeiçoamento das equipes de vendas de alta performance; e planejamento de vendas.
“Quando falamos em inteligência emocional em vendas, queremos dizer que os sentimentos podem ser administrados. E isso é essencial para estar no controle da negociação e garantir o fechamento da venda”, ressalta Angélica.
Com mediação da diretora do CCS-RJ, Dayse Magesti, a live será realizada no canal do YouTube do Clube, nesta quinta-feira, às 15h. “É uma grande oportunidade para que a gente consiga tirar dúvidas sobre como nos comportar em relação aos nossos clientes neste fim de pandemia e recomeço de uma vida, vamos dizer assim, mais normal”, reforça Dayse. A live também contará com a participação especial de Fátima Monteiro, presidente da Comissão das Mulheres do CCS-RJ.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Fitch Ratings atualiza metodologia de Rating de Seguros

A Fitch Ratings, agência de classificação de risco, publicou nesta sexta-feira relatório de atualização de sua Metodologia de Rating de Seguros. Segundo a agência,...

Seguros: 3º trimestre fecha com alta acumulada de 13,4%

O setor segurador encerrou o terceiro trimestre em alta, com taxa acumulada no ano de 13,4%. “Os dados dos nove primeiros meses de 2021...

Qualicorp fecha pareceria com o grupo Orthopride

A fim de ampliar o relacionamento com os clientes, a Qualicorp fechou uma parceria comercial com o grupo Orthopride, a maior rede de clínicas...

Últimas Notícias

Nova pandemia alerta turismo e a compra de moeda estrangeira

Turistas devem planejar bem o momento de comprar.

Brasil tem 63,4 milhões de inadimplentes e dívidas chegam a R$ 253 bi

Bancos e cartões de crédito encabeçam ranking das contas responsáveis pela inadimplência.

Gilberto Gil torna-se imortal da Academia Brasileira de Letras

O grande cantor, compositor e ex-ministro da Cultura Gilberto Gil foi eleito recentemente para a cadeira número 20 da Academia Brasileira de Letras (ABL).

Embaixador: A China é muito importante para Chile

“Queremos mostrar ao mundo, principalmente à China, que mesmo Chile sendo um país pequeno na costeira da América do Sul e na borda do mundo, está bem perto da China”, disse em uma entrevista Luis Schmidt Montes, Embaixador Chileno na China.

Caixa e BB são destaques em governança mas Guedes quer privatizar

Estatais converteram prejuízo de R$ 35 bi em 2015 para superávit de R$ 135 mi em 2021.