China incentiva bambu como alternativa ao plástico

Meta é de, em 3 anos, aumentar em 20% o uso do bambu

72
Trabalhador na fábrica de bambu, que pode ser susbstiruir plástico
Um trabalhador na oficina da fábrica Guiyuan de bambu e madeira, no condado de Chongyi de Ganzhou, província de Jiangxi, leste da China, em 17 de maio de 2022.

A China iniciou um plano de ação de três anos para promover o uso do bambu como alternativa ao plástico para reduzir a poluição.

De acordo com o plano, emitido por órgãos estatais, incluindo a Comissão Nacional de Desenvolvimento e Reforma, até 2025, os artigos de bambu utilizados como substitutos de artigos plásticos registariam melhorias adicionais na sua qualidade, variedade, escala e rentabilidade.

Até lá, o valor acrescentado destes artigos de bambu aumentará 20% em comparação com o nível de 2022, enquanto a taxa de utilização de materiais de bambu aumentará 20 pontos percentuais.

Os esforços se concentrarão em áreas como a inovação científica e tecnológica, a ligação entre produção e vendas, publicidade social e cooperação internacional, de acordo com o plano de ação para tornar o bambu como alternativa ao plástico.

Espaço Publicitáriocnseg

Leia também:
Indústrias verdes se tornam novo foco de crescimento econômico da China

Também foi divulgada uma lista com os principais itens em que o material plástico será substituído pelo bambu. O plano também exige a melhoria das leis e regulamentos e da autenticação padrão e mais atividades de contratação pelo poder público para ajudar a facilitar a substituição.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui