China lidera vendas de veículos elétricos a bateria

China lidera vendas mundiais de veículos elétricos a bateria no terceiro trimestre, diz pesquisa

Foto aérea tirada em 30 Nov, 2018 mostra um trem trilho-nuvem passando pela sede do produtor chinês de veículos de nova energia BYD em Shenzhen, na Provincia de Guangdong, sul da China. (Xinhua)

Xinhua - Silk Road
Xinhua – Silk Road

Berlim, 8 Nov (Xinhua) — As vendas de veículos elétricos a bateria (VEB ou BEV em inglês) aumentou em 123% anualmente nos 14 principais mercados no terceiro trimestre de 2021, de acordo com um estudo publicado pelas empresas de serviços de consultoria PwC e Strategy& nesta segunda-feira.

A China “liderou o caminho” com 782.000 unidades de BEV vendidas no terceiro trimestre, apresentando um crescimento de 190%. A participação de mercado de BEV na China mantém o seu “aumento constante”, disse o estudo.

O crescimento das vendas teve uma desaceleração na Europa comparado com os trimestres anteriores, disse o estudo. Os cinco maiores mercados da Europa – Alemanha, Reino Unido, Itália, França e Espanha – viram o aumento do número de novos registros de BEV em 53% anualmente no terceiro trimestre.

A participação de mercado de todos os veículos elétricos na Europa, incluindo veículos elétricos híbridos plug-in (PHEV em inglês) e híbridos, estava “aproximando rapidamente” da paridade com os veículos a combustível. De acordo com o estudo, a participação de mercado de veículos elétricos nos cinco maiores mercados da Europa aumentou de 8% em 2019 para 38% atualmente.

Nos Estados Unidos, a ascensão dos veículos elétricos foi “muito menos dinâmica”, disse o estudo. Os motores de combustão ainda foram a escolha dos 91,6% dos compradores, enquanto os totalmente híbridos lideram a categoria dos veículos elétricos com uma participação de mercado de 5,1%.

Na Alemanha, carros híbridos ainda dominam o mercado com 16,6%, diz o estudo. Para reduzir as emissões de CO2, as compras dos veículos puramente elétricos na Alemanha são subsidiadas pelo governo com um prêmio de até 9.000 euros (aproximadamente 10.400 dólares americanos). (1 euro = 1,16 dólares americanos) Fim

Xinhua Silk Road
Agência de notícias oficial do governo da República Popular da China.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Brilhante comércio de cerejas entre a China e o Chile

Um total de 356.000 toneladas de cerejas foram exportadas do Chile durante a temporada 2021-2022, com 88% do total indo para a China, de acordo com a iQonsulting, uma empresa de consultoria, com sede em Santiago, capital do Chile.

Empresa chinesa construirá parque de ciências agrícolas em Paracatu

A Prefeitura de Paracatu, no estado brasileiro de Minas Gerais, assinou um acordo com uma empresa chinesa para abrigar um parque de ciências agrícolas, visando construir o maior centro sul-americano de pesquisa e desenvolvimento de sementes de soja e milho e da cadeia de suprimentos.

FMI Eleva pesos de renminbi e dólar na cesta de SDR

O Fundo Monetário Internacional anunciou no sábado um aumento no peso do renminbi chinês e do dólar americano na cesta de Direitos Especiais de Saque (SDR) após concluir a revisão quinquenal.

Últimas Notícias

Embrapa poderá abrir unidade no Marrocos

Presidente da empresa discutiu o assunto em viagem ao país, onde participou de missão do Ministério da Agricultura.

Comércio torce pelo frio para aumentar vendas

Pesquisa do CDL-Rio e do Sindilojas-Rio mostra que, com queda de temperatura, 80% dos lojistas esperam aumento nas vendas.

Em 2021, 5 mil pessoas morreram em 64 mil acidentes de carro

Anuário da PRF mostra interrupção de quedas observadas desde 2011.

Eletrobras anuncia lucro de R$ 2,7 bi no primeiro trimestre

Resultado foi gerado por redução de custos e contratos bilaterais; comissão da Câmara discute impacto da privatização.

Brasil deverá atingir 12,5% da produção mundial de algodão até 2030

Segundo o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada, em março, as cotações da commodity subiram em 5,41%.