China multa 12 empresas por violarem lei antimonopólio

O principal órgão de fiscalização do mercado da China impôs penalidades administrativas a 12 empresas nesta sexta-feira, incluindo as gigantes de internet Tencent e Baidu, por violarem a lei antimonopólio em dez transações.

Elas incluem a aquisição da plataforma de educação online Yuanfudao pela Tencent, e a compra da Ainemo, uma empresa de terminais e serviços de hardware doméstico inteligente, pela Baidu, de acordo com um comunicado online divulgado pela Administração Estatal de Regulamentação do Mercado.

As 12 empresas, incluindo também a gigante Didi e o TAL Education Group, foram multadas em 500 mil iuanes (US$ 77.107) cada uma, pois as transações violaram a lei antimonopólio do país sobre a concentração ilegal de operadores comerciais, disse o comunicado. Segundo a agência Xinhua, as avaliações concluíram que as transações não tiveram o efeito de excluir ou restringir a concorrência, disse o regulador.

Leia mais:

Energisa teve queda de quase 46% no 4° trimestre

Fundos imobiliários tiveram boa performance em fevereiro

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Avanço da carteira de crédito de pessoas físicas

O saldo total da carteira de crédito deve crescer 1,6% em agosto, registrando o sétimo avanço mensal seguido. Apesar do bom resultado esperado para...

BTG negocia novo ETF internacional na bolsa paulista

Ocorreu na última sexta-feira (17) o toque de campainha que marcou o início de negociação das cotas de mais um ETF internacional na B3,...

Últimas Notícias

Queiroga ficará em quarentena em NY

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, não volta por enquanto ao Brasil. O motivo não foi o gesto obsceno que fez com o dedo,...

Startup de inteligência artificial terá acesso ao hub de dados da B3

A 4KST, fintech de inteligência artificial, com foco em eficiência financeira, e a B3 anunciaram nesta terça-feira um acordo com foco em compartilhamento e...

BNDES: R$ 166 milhões para linhas de transmissão da Energisa Tocantins

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) aprovou financiamento de R$ 166 milhões para a Energisa Tocantins Transmissora de Energia (Grupo Energisa),...

UE tenta expandir oportunidades no oeste da China

Nos primeiros oito meses de 2021, o volume comercial entre a China e a União Europeia (UE) aumentou 32,4% ano a ano. O volume...

Deputados querem venda direta de etanol aos postos

Em audiência pública da Comissão de Minas e Energia, realizada nesta terça-feira, deputados defenderam a aprovação da Medida Provisória 1063/21, que autoriza produtores e...