China planeja elevar papel da medicina tradicional chinesa

A China pretende fazer com que a medicina tradicional chinesa (MTC) faça um papel maior na prevenção, tratamento e resposta de saúde pública às doenças contagiosas, segundo um plano do governo recém-revelado.

Uma farmacêutica prepara ingredientes para fazer decocção da medicina tradicional chinesa (MTC) no hospital da MTC de Xi’an, em Xi’an, Província de Shaanxi, noroeste da China, em 3 de janeiro de 2022. (Xinhua/Li Yibo)

Xinhua - Silk Road

 

Beijing, 2 abr (Xinhua) — A China pretende fazer com que a medicina tradicional chinesa (MTC) faça um papel maior na prevenção, tratamento e resposta de saúde pública às doenças contagiosas, segundo um plano do governo recém-revelado.

O plano de desenvolvimento da MTC para o período do 14º plano quinquenal (2021-2025) saúda a importante contribuição da MTC para o controle e o tratamento da COVID-19 e propõe arranjos sistemáticos que estimulem a combinação da medicina chinesa e ocidental e melhorem a capacidade de tratamento da MTC.

A expertise dos principais hospitais da MTC será aproveitada para a construção de centros nacionais da MTC para a prevenção e o tratamento de epidemias em todas as regiões de nível provincial, afirmou o plano de desenvolvimento.

O plano acrescentou que todos os principais hospitais públicos da MTC e da medicina integrada chinesa e ocidental devem ter clínicas de febre, e aumentar a capacidade em departamentos de doenças infecciosas, tratamento de emergência, doenças graves, doenças respiratórias e laboratórios clínicos. Fim

Leia também:

Receita da empresa de cachaça chinesa ultrapassa 100 bilhões de yuans

Xinhua Silk Road
Agência de notícias oficial do governo da República Popular da China.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Investidores estrangeiros mantém níveis de investimento na China

Espera-se que os investidores estrangeiros mantenham as suas tendências de investimento nas ações de categoria A em 2022, com o controle epidêmico nas regiões chinesas e o emergente valor relativo global do mercado de ações da China, informou Xinhua Finance, citando Fang Xinghai, vice-chefe da Comissão Reguladora de Valores Mobiliários da China (CSRC, sigla em inglês) nesta quarta-feira.

Guangzhou da China lança primeiro lote de títulos corporativos de C&R

O Porto de Guangzhou concluiu nesta terça-feira a emissão de títulos corporativos no valor de 1 bilhão de yuans (cerca de 148,4 milhões de dólares) para investidores na Bolsa de Shanghai, representando a primeiro lote dos títulos corporativos de inovação científica e tecnológica 2022 para Cinturão e Rota (C&R), informou Shanghai Securities News.

Os testes chineses para varíola dos macacos obtêm a certificação da UE

Algumas empresas chinesas anunciaram na quarta-feira que seus kits de detecção de ácido nucleico do vírus da varíola dos macacos obtiveram o certificado de registro CE da União Europeia (UE), informou o Shanghai Securities News nesta quinta-feira.

Últimas Notícias

Clorin ganha destaque nos lares e empresas brasileiras

A empresa amplia distribuição da marca Milton no Brasil.

Tokenização: conceitos e casos de uso dessa tecnologia

BC e CVM acompanharão ao longo deste ano as operações dos projetos aprovados nos respectivos sandboxes regulatórios

Sim Pro Samba homenageia Lula Gigante

O Sim Pro Samba começa às 18h30, na Praça dos Professores. Gratuito!

Solução para o investidor no cálculo e declaração do IR

Usufruir de serviços automatizados para o cálculo e o pagamento de DARFs,

CVM divulga estudo sobre ESG e o mercado de capitais

Relação entre o mercado de capitais e o tema sustentabilidade,