China publica relatório sobre projetos contratados no exterior

O valor dos projetos contratados da China no exterior atingiu US$ 255,54 bilhões em 2020, enquanto o volume de negócios foi de US$ 155,94 bilhões, assinalou um relatório publicado pelo Ministério do Comércio.

O valor dos contratos recém-assinados entre a China e 61 países ao longo do Cinturão e Rota foi de US$ 141,46 bilhões no ano passado, representando 55,4% do valor total dos contratos, disse a porta-voz do ministério, Shu Jueting, em uma coletiva de imprensa.

Segundo a agência Xinhua, durante o período, a China registrou um volume de negócios de US$ 91,12 bilhões com estes países, o que constitui 58,4% do volume total de negócios do país com os projetos contratados no exterior.

Geograficamente, os negócios na Ásia e África representaram mais de 80% dos projetos contratados no exterior em 2020, disse Shu. Os projetos contratados no exterior do país abrangeram diversas indústrias, focando nos setores de transporte, construção, engenharia energética e petroquímica, acrescentou a porta-voz.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Sauditas liberam exportação de carne de unidades de Minas

De acordo com o Ministério da Agricultura, autoridades do país suspenderam o bloqueio de cinco plantas de carne bovina mineira.

Investimento direto da China no exterior cai 4,3% em oito meses

O investimento direto no exterior (ODI, na sigla em inglês) não financeiro da China atingiu 459,71 bilhões de iuanes nos primeiros oito meses do...

Argentina propõe trocar dívida por ações ambientais

Ideia foi apresentada durante reunião convocada por Joe Biden.

Últimas Notícias

Cautela pré-Fomc pesa sobre Bolsas no globo

Em dia de vencimento de opções, NY fechou em baixa, com o retorno das incertezas sobre o ritmo de retomada econômica.

A desigualdade entre os ‘iguais’

Por Rafael Luciano de Mello.

SP: alimentação puxa alta no preço da cesta básica

Segunda prévia do IGP-M variou negativamente em relação à segunda prévia do período anterior, mas avança ante a última divulgação.

Jovem baixa-renda é mais requisitado para voltar a trabalho presencial

Quanto menor a renda familiar, maior o percentual; brasileiros de 18 a 25 anos somam 42% das contratações temporárias no primeiro semestre.