CNC reduz custo de renovação do parque tecnológico em 30% com serviço de consultoria da Microcity

Representante máxima do comércio brasileiro, a CNC (Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo), reduziu em 30% o custo da renovação do parque tecnológico da sua unidade no Rio de Janeiro (RJ). A instituição conseguiu essa economia por meio do serviço de consultoria da Microcity, empresa 100% brasileira líder em outsourcing de equipamentos e serviços avançados de TI.

Segundo o gerente de Tecnologia da Informação da CNC, Fernando González, a consultoria atuou no levantamento do cenário atual da infraestrutura predial, segurança, servidores, monitoramento e desempenho do datacenter da CNC Rio de Janeiro. Além disso, a renovação do parque tecnológico incluiu uma solução de Disaster Recovery, a fim de realizar a replicação dos serviços em produção na unidade fluminense para o datacenter da Confederação, que fica em Brasília (DF).

Foi um projeto grande que envolveu equipamentos de agregação de links, novos ativos de firewall, backup e replicação de dados, assim como serviços de implementação e simulações do ambiente de TI. Por isso vimos à necessidade de contar com um parceiro para avaliar o processo de implantação, do início ao fim”, afirma.

Para o gerente de TI, foi a visão obtida por meio da consultoria que possibilitou a instituição atingir a redução de custos, mesmo o projeto sendo realizado junto com diversos fornecedores diferentes de tecnologia. “Conseguimos negociar o melhor custo-benefício de equipamentos, componentes e soluções, o que impactou significativamente no custo total do projeto”, revela.

O projeto também foi desenvolvido considerando a Análise Focada em Risco e a Análise de Cargas de Processamento, da Confederação do Comércio. “Todos os levantamentos da consultoria tinham por objetivo o mapeamento dos riscos atuais do ambiente de infraestrutura e seus processos de suporte ao negócio e capacidade instalada, com sua performance, disponibilidade e percentual de uso”, aponta González.

De acordo com ele, a Microcity entregou o mapeamento dos riscos e o estudo da redução dos gaps com a renovação do parque tecnológico, bem como recomendações de adequações sobre a utilização de recursos de hardware dos servidores e dos serviços. “Estas ações nos permitiram visualizar melhor os pontos onde recursos estavam sendo empregados de forma desnecessária, e assim corrigi-los ou corta-los”.

Segundo Carlos Cunha, analista da CNC e quem liderou todo o projeto, o resultado obtido com a consultoria só foi possível graças à boa interação entre as equipes da CNC e da Microcity. “Tudo fluiu de maneira fácil, sentimos segurança na equipe que liderou o estudo no nosso parque tecnológico. Em linhas gerais o que podemos afirmar é que a Microcity superou as expectativas, pois a análise realizada nos permitiu revisitar alguns pontos do projeto e por consequência gerar mais valor agregado”, finaliza.

 

Artigos Relacionados

Petrobras venderá campo terrestre em Sergipe para Petrom

A Petrobras, em continuidade ao comunicado divulgado em 11 de dezembro de 2020, assinou com a Petrom Produção de Petróleo & Gás Ltda. (Petrom),...

Preço do aço brasileiro acumula alta de 130% em 12 meses

O preço do aço brasileiro continuou em alta na primeira semana de maio. Segundo avaliação da S&P Global Platts - fornecedora independente de informações...

Jato executivo será convertido em aeronave de inspeção

A Embraer assinou um contrato com a Aerodata AG, da Alemanha, para a venda de um jato executivo modelo Praetor 600 a ser convertido...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Conteúdo online voltado para o ensino e para ganhar dinheiro

Cada vez é mais possível aproveitar o conteúdo online para avanços desde a fluência do inglês das crianças a até aprender a operar como trader na bolsa.

Queda de faturamento atinge 82% dos MEI

Em Minas, 60% dos microempreendedores individuais formalizados na pandemia abriram o negócio por oportunidade.

Inflação oficial fica em 0,31% em abril

Grupo com alta relevante no mês foi alimentação e bebidas (0,40%), devido ao comportamento de alguns itens.

Manhã de hoje é negativa em quase todo o mundo

Em Nova Iorque, Dow Jones e S&P futuros cediam 0,10% e 1,04%, respectivamente.

Projeção da Selic é de 5% no final deste ano

Para o ano que vem, analista projeta 6,5%, dado o alerta do Copom sobre o ritmo de normalização após reunião de junho.