Consumo de sorvete no verão cresce cerca de 70%

Nordeste é a região que mais vende sorvete no país; setor no Brasil deve chegar a 2020 volume médio de 799 milhões de litros.

De acordo com a Associação Brasileira das Indústrias e do Setor de Sorvetes (Abis), o sorvete é uma das sobremesas preferidas do brasileiro durante o ano todo, mas no verão o consumo cresce cerca de 70%. Ao lado dos tradicionais sorvetes, os fabricantes estão aumentando o leque de sabores e texturas introduzindo, com frequência, novidades em cardápios sofisticados – como as paletas mexicanas, os tradicionais gelatos artesanais, aqueles supermodernos de açaí, entre outros -, confirmando que o sorvete adquire o status de um alimento que pode ser consumido em qualquer momento.

Diante de tantas novidades e concorrências no segmento, a indústria está sempre se aperfeiçoando, e além de produzir sorvetes exclusivos – para quem tem algum tipo de intolerância alimentar, também está se preocupando em tornar seus produtos o mais natural possível, com baixo teor de açúcar, baixa caloria e com redução de gordura, além do uso de componentes que não sejam de origem animal, como na dieta vegana.

O mercado brasileiro de sorvetes tem se tornado cada vez mais atrativo: país já é o 10º maior produtor mundial e 11º maior consumidor, tendo o Nordeste como a região que mais vende sorvete no país. Segundo dados da Mintel – empresa de inteligência de mercado -, o setor no Brasil deve chegar a 2020 com expansão de até 81%, significando um aumento no faturamento, podendo atingir R$ 13,9 bilhões, com volume médio de 799 milhões de litros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Queda na indústria atinge todos os grupos de intensidade tecnológica

Perdas no primeiro trimestre de 2022 vão de 2,3% a 8,7%.

Otimismo dos comerciantes melhora em maio

Segundo a CNC, é o maior nível desde dezembro de 2021.

Arábica soma 67% e conilon, 33% da produção do Brasil

Safra brasileira total de café está estimada em 53,42 milhões de sacas de 60 kg, sendo 35,71 de arábica e 17,71 milhões de conilon.

Últimas Notícias

B 3 lança novos produtos para negociação de estratégias de juros

Operações são estruturadas de contratos futuros de DI, DAP e FRC

JBS tem governança fraca, mas perfil de negócio forte

JBS tem governança fraca, mas perfil de negócio forte

Brasil corre risco de desabastecimento de diesel

Alerta foi feito inclusive pela direção da Petrobras

Lucros das empresas subiram 55% no primeiro trimestre

Em abril, quase metade das categorias de trabalhadores não conseguiu repor inflação.

PIB dos EUA cai mais que previsto, porém inflação perde ritmo

Recessão não está descartada, segundo analistas.