Conversão para GNV cresceu 86% com alta de combustíveis

Brasileiro paga 40% a mais no preço da gasolina em outubro, em comparação com o mesmo período de 2020.

Segundo dados da Secretaria Nacional de Trânsito (Senatran), de janeiro a setembro deste ano foram realizadas mais de 160 mil conversões de veículos para gás natural veicular (GNV), um aumento de 86% quando comparado ao mesmo período do ano passado, quando foram feitas 86 mil instalações.

O mês de outubro fechou com o litro da gasolina custando R$ 6,447, um aumento de 40% se comparado ao mesmo período de 2020  e de 3% em relação ao fechamento de  setembro, aponta o último levantamento do Índice de Preços Ticket Log (IPTL). Ao comparar o valor com o último período de baixa, registrado no mês de abril deste ano, em que a gasolina estava custando R$ 5,699, a alta chega a 13%. Com média de R$ 5,449 o preço do etanol também não recuou, e continua 19% mais caro em relação a abril.

Nenhum estado registrou redução no preço da gasolina e o que teve o maior aumento no período foi o Amapá, com o valor do litro passando de R$ 5,610 para R$ 5,970, um acréscimo de 6,42% em comparação com setembro. Já o Estado que liderou a alta no valor do etanol foi o Paraná, deixando para trás o valor de R$ 4,858 da média de setembro e chegando a R$ 5,055, um aumento de 4,6%.

A Região Sul continua registrando o menor preço médio da gasolina, mesmo com avanço 3,03%, vendido a R$ 6,256. Já o etanol teve o Centro-Oeste como a região com a menor média, comercializado a R$ 5,145 nas bombas.

No recorte por região, o etanol é aproximadamente 9% mais barato no Centro-Oeste, se comparado à Região Sul. Já a gasolina, é cerca de 5% mais barata no Sul em relação ao Centro-Oeste.

O etanol mais caro do país foi comercializado no Rio Grande do Sul, com o valor de R$ 6,310 e o mais barato em São Paulo, vendido a R$ 4,684.  Já a gasolina mais barata por R$ 5,970 foi registrada no Amapá, e a mais cara no Piauí, por R$ 6,894.

Leia também:

Instalação de kit GNV no primeiro semestre cresceu 64%

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Gestão do Hopi Hari ganha na justiça e se mantém no parque

A gestão do Parque Temático Parque Hopi Hari acaba de obter decisão favorável, proferida pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, para...

Chile quer renacionalizar cobre e bens públicos estratégicos

A campanha pela renacionalização do cobre e dos bens públicos estratégicos entregues às transnacionais durante o governo de Augusto Pinochet (1973-1990) tem sido impulsionada...

RNI diz que novo plano trouxe melhor resultado em 7 anos

Total de unidades financiada atingiu recorde de R$ 228 milhões

Últimas Notícias

Electrolux lança desafio para arquitetos e designers de interiores

A Archademy, primeiro Market Network de Arquitetura e Design de Interiores do Brasil, abre inscrições para a edição do seu Archathon Electrolux 2022. O...

Gestão do Hopi Hari ganha na justiça e se mantém no parque

A gestão do Parque Temático Parque Hopi Hari acaba de obter decisão favorável, proferida pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, para...

Bancos chineses registram compra líquida de divisas em 2021

Os bancos chineses registraram uma compra líquida de divisas em 2021, pois a taxa de câmbio do iuan permaneceu geralmente estável e os fluxos...

RNI: Plano de negócio tem o melhor resultado dos últimos 7 anos

Prévia do 4T21 da construtora e incorporadora RNI, do grupo Empresas Rodobens, indica resultados superiores aos últimos sete anos. A empresa, que completou 30...

Chile quer renacionalizar cobre e bens públicos estratégicos

A campanha pela renacionalização do cobre e dos bens públicos estratégicos entregues às transnacionais durante o governo de Augusto Pinochet (1973-1990) tem sido impulsionada...