Cooperação no parque industrial China-Malásia de Qinzhou registra um progresso constante

Representantes de dois parques industriais construídos em conjunto pela China e pela Malásia concordaram em aprofundar a cooperação durante uma reunião do conselho com a presença dos representantes realizada na última terça-feira em Qinzhou, Região Autônoma da Etnia Zhuang de Guangxi, sul da China.

132
Foto aérea tirada em 6 de outubro de 2020 mostra uma vista do Parque Industrial de China-Malásia de Qinzhou, Região Autônoma da Etnia Zhuang de Guangxi, sul da China. (Xinhua/Zhouhua)
Xinhua - Silk Road

Nanning, 24 abril (Xinhua) — Representantes de dois parques industriais construídos em conjunto pela China e pela Malásia concordaram em aprofundar a cooperação durante uma reunião do conselho com a presença dos representantes realizada na última terça-feira em Qinzhou, Região Autônoma da Etnia Zhuang de Guangxi, sul da China.

Dados oficiais mostraram que nos últimos 12 anos, no Parque Industrial China-Malásia de Qinzhou, foram assinados 249 projetos, com um investimento total em ativos fixos de cerca de 29,5 bilhões de yuans (cerca de 4,2 bilhões de dólares americanos) e um valor total de produção industrial de 93,8 bilhões de yuans, formando uma aglomeração industrial de processamento e comércio de alguns produtos em destaque.

O Parque Industrial Malásia-China de Kuantan testemunhou a assinatura de 13 projetos, com um investimento total de mais de 44 bilhões de yuans e um valor total de produção industrial de mais de 60 bilhões de yuans.

O vice-ministro do Comércio chinês, Li Fei, disse que a China está disposta a trabalhar com a Malásia para fortalecer a coordenação e fornecer condições mais convenientes e um melhor ambiente para o desenvolvimento dos dois parques. Fim

Espaço Publicitáriocnseg

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui