Copom ignora recessão e eleva juros para 9,25%

Alta em tão curto período só é comparada aos meses de especulação após eleição de Lula.

O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central elevou a taxa básica de juros, a Selic, de 7,75% para 9,25% ao ano. Esse foi o sétimo reajuste consecutivo e consolida a maior alta da taxa em quase 20 anos. O aumento em período tão curto só fica atrás do ciclo iniciado em outubro de 2002 e finalizado em maio de 2003, em meio às especulações antes e após a eleição do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Naqueles anos, o BC elevou a Selic em 8,5 pontos percentuais.

Em janeiro de 2021, a taxa básica estava fixada em 2%. Com o aumento decidido nesta quarta-feira, a Selic acumula alta de 7,25 pontos percentuais (pp). O mercado financeiro esperava nova elevação na primeira reunião de 2022.

O chefe de Renda Variável da Messem Investimentos, Gustavo Bertotti, disse que “não faria sentido aumentar mais que isso (1,5 ponto), já que, mesmo diante de um cenário inflacionário, há dados de estagnação econômica”.

Bertotti citou os últimos dados trimestrais do PIB e de vendas no varejo, que mostraram que a economia brasileira está desaquecida. “Por isso, foi a melhor decisão repetir o aumento de 1,5 pp da última reunião do Copom”, finalizou.

Para a coordenadora nacional da Auditoria Cidadã, Maria Lucia Fattorelli, a elevação dos juros não tem influência sobre a inflação atual, que não é provocada por alta demanda. Para a especialista, os aumentos afetam a dívida pública e beneficiam o Sistema da Dívida.

Leia também:

Três perguntas: a reunião do Copom desta semana e a Selic

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Reduzir alíquota de ICMS não aliviará preço de combustíveis

Política equivocada do governo pode levar a falta de diesel.

BB DTVM lança ETF de Agronegócio na B3

Primeiro voltado para o setor de agronegócio disponível no mercado doméstico

Empresas brasileiras pagam mais a acionistas

Vale: 9° lugar no mundo, na frente da Apple

Últimas Notícias

Solidus Aitech arrecadou mais de US$ 10,5 mi de fundos com tokens

Serviço de computação de alto desempenho (HPC) quer 'democratizar a IA'.

Pão pita tradicional poderá ser feito em escala industrial

Novo sistema é capaz de produzir até 1.000 quilos/hora de pita.

Policiamento reforçado em terreiros de umbanda e candomblé de Itaboraí

Terreiros foram ameaçados por pastor evangélico em show gospel.

Rodoviária do Rio inicia a 24ª Campanha do Agasalho

Desde a 1ª edição, em 1999, quase 1 milhão de peças já foram doadas.

Votação sobre cobrança de mensalidade em universidade pública é adiada

CCJ decidiu fazer uma audiência pública sobre a PEC 206.