CotaCompras aponta solução no mercado food service

Plataforma facilita a vida de quem empreende com bares e restaurantes.

Lançado no início de 2022, pela Consultoria Food&Franquias, o CotaCompras é uma plataforma que organiza e otimiza o processo de gestão de compras de pequenos e médios varejistas, lojistas e restaurantes, podendo reduzir o custo da compra em até 15%, podendo gerar lucro de até  20%.

A ideia do software é que o processo de compra se torne não apenas automatizado, mas otimizado, pois o tempo entre a cotação e a resposta se torna bem menor. E não necessariamente o empresário precisa optar pelo mais barato, mas ele tem mais rapidamente o cenário para escolher o que mais lhe agrada, com maior controle.

O diretor Marcio Blak explica que o CotaCompras não é uma loja virtual, uma vez que fica a critério do gestor fazer a cotação com os seus fornecedores. “Hoje, grande parte do sucesso dos restaurantes  ou varejo é um bom controle do chamado CMV, ou seja, o custo das mercadorias vendidas, que está diretamente ligado ao custo de cada insumo que compõe aquela venda. O principal propósito do CotaCompras é otimizar a gestão de compras e reduzir, por meio de compras mais eficientes, o CMV da operação”, apresenta.

Marcio calcula que, em média, o CotaCompras ajuda a reduzir o custo de aquisição dos insumos em até 15%, o que no final pode gerar um aumento no lucro. “Com as cotações automatizadas, o comprador consegue receber preços de diferentes fornecedores e comparar preços melhores. E, com isso, comprar do melhor fornecedor, com o melhor preço.”

Estudos mostram, inclusive, que só pelo fato de fazer cotações, pelo menos de uma a duas vezes por semana, conseguimos economizar pelo menos 10% a 15%, simplesmente entre os preços. Sendo assim, é mais eficiente do que ficar tentando negociar um desconto com um mesmo fornecedor.

“Com a CotaCompras, o empresário do food service consegue acelerar esse processo de compra pela automação dos envios e análise das cotações e, claro, pela economia que a comparação de preço pode gerar, baixando o CMV.

Hoje, um restaurante, em média, tem 30% de CMV. ou seja,  um restaurante com faturamento médio de R$ 60 mil gasta, aproximadamente, 18 mil em compras. Se economizarmos 10% a 15% de R$ 18 mil, estamos falando de mais de R$ 2 mil de lucro no bolso do empresário no fim do mês”, exemplifica.

Com o cadastro inicial, os gestores conseguem disparar cotações para os seus fornecedores pré-cadastrados com os produtos que precisam. Dessa forma, os fornecedores respondem diretamente online na plataforma, sem saírem de seus próprios desktops e/ou celulares.

Todo o processo tem o acompanhamento do usuário por meio de notificações e a própria plataforma já indica os preços/fornecedores com melhores preços. E, dali mesmo, também já permite que o comprador faça a confirmação do seu pedido.

“Além disso, a plataforma possui dashboards e relatórios que facilitam a gestão. Se o usuário for uma rede ou uma central de compras, por exemplo, ele ainda pode usufruir do sistema de requisição de lojas para uma central e usar a cotação consolidada, assim como o retorno de pedidos individualizados”, detalha Blak.

Hoje a plataforma começa em  R$ 249/mês e pode ser assinada através do site http://www.cotacompras.com.br

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Teoria econômica é tema de workshop gratuito

Trazer novas contribuições das atuações em seus respectivos campos de pesquisa

Karla Sabah lança ‘On A Clear Day (You Can See Forever)’ no dia 2/6

Lançamento acontecerá nas plataformas e no YouTube.

15 anos de Estética In Rio

Setor continua sendo um dos mais indicados para investimentos 2022.

Últimas Notícias

OIT: crises geraram déficit de 112 milhões de empregos no mundo

Guy Ryder: 'efeitos sobre os trabalhadores e suas famílias, particularmente nos países em desenvolvimento, serão devastadores.'

Banco central da China injeta liquidez via recompra reversa

O Banco Central da China injetou na sexta-feira 10 bilhões de yuans (cerca de 1,48 bilhões de dólares) de recompra reversa, visando manter a liquidez do sistema bancário.

Representante chinês pede coordenação e estabilidade sobre alimentação

Um representante chinês pediu na quinta-feira para que a comunidade internacional trabalhe em conjunto, no objetivo de estabilizar o mercado global de alimentos, garantir suprimentos diversos de alimentos e facilitar globalmente o comércio agrícola.

Venda de álcool em gel cai pela metade

Relaxamento de medidas restritivas causou queda em produtos de limpeza; já material de higiene pessoal cresceu 4,8% de janeiro a abril.