Dólares e empregos que se vão

  Em alguns meses, nos governos do PT, o saldo da balança comercial foi inflado por exportações de plataformas de...

 

Em alguns meses, nos governos do PT, o saldo da balança comercial foi inflado por exportações de plataformas de petróleo que nunca saíram do Brasil. tratava-se apenas de um passeio no papel para obter vantagens tributárias. Era uma época em que os equipamentos eram produzidos aqui, gerando empregos, desenvolvendo tecnologia e poupando dólares.

Agora, a situação é outra. Em julho, houve venda de uma plataforma no valor de US$ 1,3 bilhão, registrada como exportação. Mas houve a importação de dois equipamentos, somando US$ 3,3 bilhões, no âmbito do Repetro (regime especial que suspende os tributos cobrados sobre bens destinados a atividades de exploração de petróleo e gás natural). Saldo negativo de US$ 2 bilhões.

Com o acréscimo de que, se a exportação é formal, a importação, não. É pagamento por bens feitos no exterior.

 

Na ‘caixinha’

Entre os inúmeros lugares-comuns e bestialidades derramados em sua campanha no Rio, nesta terça-feira, Jair Bolsonaro falou sobre dois assuntos que merecem atenção: primeiro, que não cabe ao Supremo decidir sobre aborto, papel do Parlamento (tese que reforça a fala de Ciro Gomes de colocar o Judiciário de volta a “sua caixinha”).

Bolsonaro também afirmou que em seu (improvável) governo, ONGs estrangeiras não frequentarão os gabinetes dos ministérios e órgãos do meio ambiente em Brasília.

 

A união dos sem votos

Nota da Comissão Executiva Nacional do PT define bem os ataques via MP e justiça a Fernando Haddad: tapetão judicial.

 

Mina de ouro

Nos próximos cinco anos, a China se prepara para importar US$ 10 trilhões. Os empresários paulistas fazem as malas para embarcar para a principal feira de negócios do ano e tentar um lugar ao sol no mercado chinês. Nesta quarta-feira, a Fiesp apresentará as oportunidades de participação na China International Import Expo (CIIE), a ser realizada de 5 a 10 de novembro em Xangai.

 

VLT e bike

Os homens e mulheres vão ter que abrir espaços para as bikes, porque a novel vereadora carioca Luciana Novaes apresentou o Projeto de Lei 501/17, autorizando o VLT a transportar as bicicletas dos ciclistas cansados de pedalar. A vereadora lembra que, nos últimos oito anos, cresceu em 84,9% o uso de bicicletas no Rio.

Como o VLT anda sempre vazio, os ciclistas de carona não chegarão a incomodar.

 

Italiana no Brasil fala espanhol

Consumidor da Ampla, hoje controlada pela italiana Enel, estranhou ter recebido e-mail da distribuidora de energia do Rio de Janeiro informando que a luz de sua residência havia sido restabelecida às 8h. Estranhou porque a energia só faltou às 11h (e retornou poucos minutos após reclamar).

Ao responder a questionário sobre satisfação com o serviço, descobriu uma pista do horário maluco: perguntas e respostas estavam em espanhol. Provavelmente, a companhia utilizou o fuso de Greenwich (o do Brasil é GMT -3).

 

Rápidas

O candidato ao Governo do Estado do Rio de Janeiro Anthony Garotinho faz palestra durante a reunião do Conselho Diretor da ACRJ, nesta sexta, às 11h30 *** O Instituto dos Advogados Brasileiros (IAB) realizará, quinta e sexta, no Rio, o seminário “As inovações e atualidades do novo CPC” *** 29 de agosto é o Dia Nacional de Combate ao Fumo *** Dois dos autores da nova Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais, Danilo Doneda e Laura Schertel Mendes, estão entre os participantes de curso sobre o tema, nestas quarta e quinta, na sede do Instituto de Direito Público de São Paulo (IDP-SP). Programação completa em http://cursoextensao.idp.edu.br/ *** A KPMG realiza nesta quinta-feira, no Rio de Janeiro, a 7ª… Conferência de Energia e Recursos Naturais da América Latina *** José Dirceu e Aldo Rebelo confirmaram presença no lançamento da revista 1968 e os trabalhadores, feita pelo Centro de Memória Sindical, que será lançada nesta quinta, às 17h30, no Hotel Leques Brasil *** Um tributo aos Mamonas Assassinas será feito pela Banda Sobrinhos da Véia em 31 de agosto, 19h30, no Caxias Shopping, encerrando a temporada de agosto do projeto Shows de Sexta *** A FGV realiza nesta sexta-feira, no Rio de Janeiro, o seminário “Precificação dos combustíveis”.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

É urgente a revogação da PPI

Federação do Fisco taxa PEC de Bolsonaro de eleitoreira.

Olavo de Carvalho, quem diria, já escreveu no MM

Críticas à ‘Nova Ordem Mundial’, ‘Globo’, ‘Time’ e Garotinho.

Commodities voltam a subir e ameaçam inflação

Brasil dependerá, mais que nunca, do comportamento do real frente ao dólar.

Últimas Notícias

Prazo para Apresentação do 3º Ciclo da Oferta Permanente

A Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) informou nesta quinta-feira que todas as empresas inscritas interessadas em participar do 3º Ciclo...

Governo aposta na abertura do mercado de gás natural em Rondônia

O governo acredita que a abertura do mercado de gás natural no estado de Rondônia vai potencializar a exploração de gás na bacia dos...

Faturamento da mineira Lett avançou 70% em 2021

A Lett, startup mineira especialista em Trade Marketing Digital, reportou que em apenas 12 meses, a empresa conseguiu um aumento de mais de 70%...

Relatório lista marcas chinesas como globalmente mais fortes

Várias empresas chinesas figuram entre as marcas mais fortes e de crescimento mais rápido do mundo listadas pelo relatório “Global 500 2022”, da consultoria...

Brasil quer retaliar países em disputas paralisadas na OMC

O Congresso Nacional vai analisar uma medida provisória que autoriza o Brasil a suspender concessões e até retaliar membros da Organização Mundial do Comércio...