De volta à realidade

O desmoronar da economia virtual que tem sua expressão de maior visibilidade na queda livre da Nasdaq – já apelidada em círculos mais argutos como o conto do vigário do século – também provocou significativa mudança semântica no outrora mundo róseo da comunidade pontocom. Reportagem publicada neste fim de semana pela agência Reuters mostra algumas das mudanças nos jargões da nova economia. No lugar de B2B, ou business-to-business (comércio eletrônico entre empresas), entra back-to-banking (voltando aos investidores) e no de B2C, ou business-to-consumer (comércio eletrônico para o consumidor), back-to-consulting (de volta para a consultoria).
Criativos, os integrantes do mundo pontocom agora também estão plugados no back-to-basics (voltando ao básico), no B2B, ou back-to-bankruptcies (de volta para as falências), e no B2C, back-to-cycles, (voltando para os ciclos). ASP, que significava provedor de aplicação de serviços, virou awful stock pick (pico horrível de ações).
De volta à realidade II
No festival de trocadilhos que toma conta das reuniões e das festas da comunidade virtual,  alguns são particularmente amargos, como B2M, ou back-to-mom”s (de volta para a mamãe) e B2S, ou back-to-school (de volta para a escola), ou ainda 2B or not 2B (ser ou não ser). Como o mundo é dinâmico, a crise existencial dos pontocom tem feito a festa de pelo menos uma categoria: a dos psicanalistas, que devem ver sua clientela aumentar em Gb. A única preocupação é evitar receber em cheque. Afinal, se a ilusão acabou, dinheiro, com lastro, continua sendo ativo real.

Promoções
Funcionários da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) estão reclamando de arbitrariedade que estaria sendo cometida pela administração da autarquia ao não realizar o ciclo de promoções previsto para este mês. Boletim do sindicato da categoria revela que a alteração no critério de promoções fere o Artigo 62 da Medida Provisória 2.048. Além disso, não estaria havendo a transparência devida e a publicidade necessária quanto às alterações. Os sindicalistas tentam negociar com José Luiz Osório, presidente da CVM.

Café
A política de retenção de estoques de café para sustentar o preço do produto poderá ser mudada no próximo dia 24, na reunião da Associação dos Países Produtores de Café (APPC). A declaração é do presidente do Conselho Nacional do café (CNC), Manuel Bertone, em entrevista ao jornal Coffee Business. Segundo Bertone, num cenário positivo será confirmado que os demais produtores estão realmente participando do programa. Caso contrário, o Brasil terá que rever sua posição. No ano passado, o Brasil exportou 17,6 milhões de café verde, queda de 23% em relação a 1999, segundo a publicação especializada.

O governo que não acabou
A herança do Governo Conde ainda continua fazendo sombra sobre a administração César Maia, mesmo em detalhes menores. Uma faixa na entrada do Túnel Rebouças, por exemplo, revela pequena parte da herança condista: “Réveillon: não beba ao dirigir.” Menos mal, que noves fora o milênio, a mensagem continua atual.

Fora
O mercado de seguros é um dos que não tem se beneficiado do aumento da produção petrolífera na Bacia de Campos, que tem garantido até a alta dos índices de desemprenho da indústria e do próprio PIB fluminenses. As plataformas usadas na produção conjunta da Petrobras com parceiros estrangeiros têm sido cobertas por seguro fechado no mercado internacional. As opiniões se dividem quanto às causas disto. Uns acreditam que foi mesmo devido ao preço mais barato obtido lá fora. Outros acham que os “pacotaços” das parcerias já incluiram a cobertura por seguradora do exterior.

Artigo anteriorTorneira
Próximo artigoInternacional
Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

Empresa pode dar justa causa a quem não se vacinar?

Advogado afirma que companhias são responsáveis pela saúde no ambiente de trabalho.

No privatizado Texas, falta luz no inverno e no verão

Apagões servem de alerta para quem insistem em privatizar a Eletrobras.

A rota do ‘Titanic’: ameaça de apagão não é de agora

‘Por incrível que pareça, no Brasil, térmicas caras esvaziam reservatórios!’

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

A cabeça do dragão

Por Gustavo Miotti.

Portugueses pedem extensão das moratórias bancárias

A Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP) está pleiteando a prorrogação das moratórias bancárias até 31 de março de 2022”. O...

China libera reservas de metais não ferrosos para reduzir custos

A China disse que continuará a liberar suas reservas estatais de cobre, alumínio e zinco para garantir preços estáveis para as commodities e aliviar...