Depois do 1º de abril, a Mãe de Todas as Mentiras

Ataques à Petrobras ganham força com fake da interferência de preços e prejuízos.

146
Posto de combustível BR Petrobras
Posto de combustível BR Petrobras (foto de Fabio Rodrigues Pozzebom. ABr)

Em 1º de abril, a Associação Brasileira dos Importadores de Combustíveis (Abicom) informou que o preço da gasolina nas refinarias da Petrobras estava defasado em R$ 0,63 por litro; o do diesel, em R$ 0,30. Uma fonte independente, o site Soberano Brasil, mostra dados bem diferentes: no mesmo dia, em relação ao PPI (preço de paridade de importação), a gasolina fechou com defasagem de apenas 2,18% (cerca de R$ 0,06/litro), e o diesel estava 11,71% acima do PPI (aproximadamente R$ 0,45/litro mais caro).

A coluna não usou como referência o Dia da Mentira à toa. A suposta defasagem sempre é utilizada como combustível (ops!) para manter aquecidos os ataques à Petrobras: “O governo está interferindo nos preços”, “a Petrobras está tendo prejuízos”, “a Petrobras vai quebrar como quase aconteceu no governo Dilma”…

Cláudio da Costa Oliveira, economista da estatal aposentado, chama estas farsas de “Mãe de Todas as Mentiras”. Ele desafia qualquer pessoa que entenda do assunto a mostrar números que indiquem que a Petrobras, em algum momento, esteve em crise econômica ou financeira (o colunista já fez o mesmo desafio, a, ao menos, 2 interlocutores, que preferiram mudar de assunto…)

Os preços cobrados pela Petrobras nas refinarias superam, em muito, os custos. Cláudio da Costa calcula que, para produzir 1 litro de diesel, a estatal gasta menos de R$ 1,10 e vende o produto em suas refinarias por R$ 3,48 (margem de mais de 200%).

Espaço Publicitáriocnseg

Portanto, ainda que vendesse abaixo do preço internacional (o que não é o caso), a Petrobras não teria prejuízo; como não teve em 2013 ou 2014 (não confundir com perdas contábeis devido a impairment).

Ah, e para mostrar uma 3ª fonte, o Rastreador de Preços de Combustíveis, da Genial Investimentos, registrava, no mesmo dia 1º, que os preços praticados nas refinarias da Petrobras estavam com deságio de 2,7% na gasolina (R$ 0,08/litro) e de 0,7% no diesel (R$ 0,02/litro).

Complementos e bebidas dietéticas em alta

Entre 2018 e 2023, o setor de alimentos para fins especiais registrou um aumento de 13% no seu consumo aparente. Esse dado é calculado pela Websetorial em boletim econômico divulgado pela Abiad, associação da indústria e comércio do segmento.

Quando comparado a 2022, o setor apresentou um recuo de 0,2%; ainda assim complementos alimentares e suplementos vitamínicos obtiveram uma evolução de 2,3%, enquanto bebidas dietéticas ou de baixas calorias alcançaram um aumento de 8,4%.

O boletim computa 5,5% de evolução em contratações do setor, no comparativo entre 2023 e 2022, chegando a mais de 170 mil trabalhadores.

Alimentos para fins especiais englobam nutrição infantil, enteral, diet e light, suplementos alimentares, nutrição esportiva, alimentos funcionais, dentre outras categorias.

Lynce: um idealista

Faleceu na madrugada desta segunda-feira o geólogo e cientista político Lynce Naveira. Nacionalista, pedetista, o Brasil perde uma pessoa que amava muito o País, um idealista cheio de vontade de mudar o mundo.

Lynce era colaborador do Monitor Mercantil; o último artigo publicado foi “Relativização da Soberania Nacional da nossa Amazônia”. Ele faleceu em casa, de parada cardíaca. O sepultamento ocorreu nesta terça-feira, no cemitério São João Batista, no Rio de Janeiro.

Rápidas

O Itaú está com 100 vagas abertas para pessoas com deficiência. Os cargos vão de gerente de relacionamento a consultor comercial de seguros. Inscrições aqui *** Korb Galeria apresenta a exposição coletiva Ouro Líquido e a individual Invisível, de Fernando Bianchi, com curadoria de Juliana Curvellano, no Centro Cultural Correios RJ *** A NIAD iniciou uma parceria com a Helloo para colocação de telas no Boulevard Shopping Londrina e no Vila Velha, utilizando dados sociodemográficos nas campanhas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui