Deputados já votam e despacham no novo endereço da Alerj

Mudança para prédio do antigo Banerj vai garantir 35% de economia.

O novo plenário da Alerj, inaugurado na última terça-feira, não tem o charme retrô do Plenário Barbosa Lima Sobrinho, no Palácio Tiradentes, e nem sua importância histórica, mas ganhou em conforto, modernidade e tamanho. O presidente da Alerj, deputado André Ceciliano (PT), disse que ficou muito satisfeito com a mudança. Maior que o antigo, o novo plenário tem 185 lugares para deputados e assessores. Ao centro, o painel eletrônico de alta resolução (7k), com 504 placas de LED, dá maior agilidade e transparência às sessões legislativas. A tela de 14 metros de comprimento se apoia no madeiramento de jacarandá, recuperado no edifício da década de 1960. Já a galeria poderá comportar até 120 pessoas.

 

Reis pega carona na solenidade

A inauguração da nova sede da Alerj, no Centro do Rio, foi marcada por discursos de recuperação econômica e união entre os poderes para oferecer o melhor aos fluminenses. O prefeito Eduardo Paes representou os dirigentes dos 92 municípios fluminenses. Mas quem chamou a atenção foi o prefeito de Duque de Caxias, Washington Reis. Ele percorreu todo o plenário cumprimentando os deputados, posando para fotos. Foi bem recebido e já iniciou articulações para sua candidatura ao Senado no ano que vem.

Inauguração: Roserverg Reis, Marta Rocha, Washington Reis e Tânia Rodrigues (foto de Thiago Lontra, Alerj)
Inauguração do novo prédio da Alerj: Roserverg Reis, Marta Rocha, Washington Reis e Tânia Rodrigues (foto de Thiago Lontra, Alerj)

Ex-deputados também marcam presença

Ex-deputados compareceram à inauguração do novo plenário. Entre eles as ex-deputadas Graça Matos e Tânia Rodrigues. Paraplégica, Tânia Rodrigues pôde testar a acessibilidade na nova sede da Alerj, uma deficiência difícil de superar na antiga sede do Legislativo. Rafael Picciani representou o pai, o ex-deputado Jorge Picciani, que faleceu em maio deste ano e iniciou a transição da Alerj para o novo endereço quando presidia a Casa.

 

Modernidade chega ao Legislativo

No novo plenário, os deputados votam de forma online, através de tablets instalados no local que são acionados com as digitais de cada parlamentar. Também foi criado um sistema, chamado de SevWeb – Terminal Virtual do Parlamentar, em que cada deputado tem seu login e senha, podendo participar, inclusive, das sessões de forma virtual.

 

Espaço amplo e moderno

O diretor-geral da Alerj, Wagner Victer, disse que está muito feliz com o trabalho de transferência da Alerj para o novo endereço na Rua da Ajuda, 5. Nos últimos dois anos, ele acompanhou diariamente todo o trabalho de retrofit do prédio da década de 60, a um custo de R$ 165 milhões. Os setores da Casa, que funcionavam em três endereços, foram distribuídos pelos 34 andares do edifício, que também abriga a Escola do Legislativo e o Fórum da Alerj de Desenvolvimento do Rio.

 

Mudança vai garantir 35% de economia

Com a mudança para uma instalação mais moderna, a Alerj espera uma economia de 35% em gastos com água e luz, por exemplo, se comparada com a sede anterior. Muito do material já existente no prédio foi reaproveitado, como mármores e granitos, a madeira das bancadas do plenário e janelas alemãs.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Consertar este planeta

Por Paulo Márcio de Mello

‘A Mão e a Luva’

Por Mônica Gusmão

A Lei de Biossegurança em pauta no STF

Uso de transgênicos não é tarefa fácil. Qual será a medida menos onerosa para as futuras gerações?

Últimas Notícias

Para 48%, recém-formados são os mais afetados no mercado de trabalho

Pesquisa feita com mais de 9 mil pessoas descobriu que 25% fazem parte da Geração Nem Nem, que não trabalha nem estuda.

SP registra queda de 13% em mortes de trânsito ante setembro de 2020

Número de óbitos caiu de 455 em setembro do ano passado para 396 no mesmo período de 2021.

Supermercados tiveram queda de 7,15% em vendas

Período avaliado em São Paulo foi de 12 meses, já Rio registra expansão de 41,5% de novas unidades no primeiro semestre.

Dez anos após morte de Kadafi, Líbia sofre a pior crise humanitária

Em 2016, Obama chegou a reconhecer que seu pior erro foi não ter acompanhado de maneira efetiva o conflito após a queda do líder líbio.

Procedimentos contraceptivos têm queda na saúde suplementar

Pandemia impactou a realização de laqueaduras tubárias e o implante de dispositivos intrauterinos.