Desnacionalização

Em artigo para o Conselho Regional de Economia do Rio (Corecon-RJ) publicado pelo MONITOR MERCANTIL, a economista Tânia Bacelar, chamada nesta sexta-feira para integrar a equipe de transição do PT, alertava para o grau de desnacionalização da economia atingia 20% do PIB, o dobro do registrado nos EUA ou Alemanha e superior ao da França (12%) e México (15%). Lamentava ainda que os empresários que venderam suas empresas para grupos estrangeiros passaram, na grande maioria, a “viver de renda”.

Recado
Como acontece todas as sextas-feiras, no início da tarde desta última membros do PT se reuniram informalmente no Centro do Rio com a população, no calçadão na esquina da avenida Rio Branco com a rua São José, no lugar que ficou conhecido como Buraco do Lume. Entre outros estiveram presentes o deputado federal Milton Temer, que não tentou se reeleger, e os recém-eleitos Chico Alencar e Lindbergh Farias. Este último avisou que no primeiro dia de seu mandato na Câmara Federal começará a coletar assinaturas para a abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar irregularidades nas privatizações feitas pelo governo FH.

União
A governadora do Rio de Janeiro, Benedita da Silva, se reúne nesta segunda-feira pela manhã, no Palácio Guanabara, com os membros da bancada federal do estado. Em pauta, a união para buscar mais verbas do Orçamento para o Rio.

Terrorismo
O prefeito de Foz do Iguaçu, Sâmis da Silva (PMDB), classificou como “terrorismo” a notícia veiculada pela CNN apontando, mais uma vez, a existência de supostas células terroristas na fronteira entre o Brasil, Paraguai e Argentina, e que estariam planejando ataques aos EUA e Israel. “Não há qualquer fundamento em notícias desse tipo que tentam, sistematicamente, prejudicar a imagem de Foz do Iguaçu como um dos destinos turísticos mais conhecidos do mundo”, disse Sâmis. O prefeito quer partir para a briga: determinou que a Procuradoria Geral do Município estude a melhor medida para acionar judicialmente os veículos de comunicação que ele acredita que denigrem a imagem de Foz do Iguaçu como destino turístico. A prefeitura se escuda na declaração do general Alberto Cardoso, ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, que negou a existência de qualquer atividade terrorista na fronteira brasileira com Paraguai e Argentina.

Acidente à vista
Nada menos que 78,2% dos veículos inspecionados pela seguradora Vera Cruz-Mapfre em São Carlos (SP) foram reprovados. O check-up gratuito foi feito em 195 carros e a maior parte dos problemas foi registrada nos freios (32,6%); outras irregularidades foram no extintor (26,9%), rodas (23,8%), sistema elétrico (18,1%), motor/transmissão (14,5%), direção (5,7%), carroceria (3,6%) e, finalmente, suspensão (3,1%). A vistoria é feita em uma unidade móvel da seguradora, dentro do Programa de Segurança Viária. O posto volante está até este sábado em Araraquara. Antes, esteve em outras cidades do interior de São Paulo, como Franca, Ribeirão Preto e Jaboticabal, e em todas a reprovação também ficou na faixa de 70%.

Leão
Walter Brasil Mundell está assumindo a vice-presidência de Investimentos da Sul América, uma das cinco unidades de negócios criadas pela companhia após a joint-venture com o gigante holandês ING. O executivo já ocupou funções no mercado, como a de CEO do Lloyds TSB Asset Management. Os planos da Sul América são triplicar, em cinco anos, o seu volume atual de R$ 5 bilhões em ativos administrados. A estratégia é oferecer ao mercado produtos combinados nas áreas de vida, previdência e fundos de investimentos.

Artigo anteriorA volta do hospital
Próximo artigoPré-Alca
Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

Juntar 2 meses e meio de auxílio para comprar cesta básica

Não só a pandemia, mas inflação é ameaça às pretensões de Bolsonaro.

Se mirar Nordeste, Bolsonaro atingirá o próprio pé

Região tem menor média de casos e óbitos causados pela Covid.

Neodefensores do trabalhador ignoraram crise

Desemprego já era estratosférico em 2019, e apoiadores de Guedes nem ligavam.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Campos marítimos do pós-sal estão em decadência

Os campos marítimos do pós-sal já produziram cerca de 16 bilhões de barris de óleo equivalente ao longo de sua história, ou seja, 63%...

Motoboys protestam em São Paulo

Entregadores tomaram ruas de São Paulo contra baixa remuneração e péssimas condições de trabalho

BC altera norma para segunda fase do open banking

Medida complementa regulamentação que estabelece requisitos técnicos de fase que vai permitir compartilhamento de dados e transações de clientes.

Confiança do consumidor medida por Michigan ficou abaixo do esperado

Índice registrou leitura de 86,5 na prévia de abril e o esperado era 89.

Escolha de conselheiros da ANPD preocupa por conflito de interesses

Entre os indicados há diretores e encarregados de dados pessoais de grandes empresas da internet.